Já pode investir na criptomoeda Dogecoin com a aplicação da Revolut

A fintech britânica tem 30 criptomoedas disponíveis para investimento. Curiosamente, a cara que está nesta moeda virtual – ou seja, o focinho de cão – foi esta sexta-feira vendida como NFT por 4 milhões de dólares.

Dogecoin

Os entusiastas de criptomoedas pediram e a Revolut anuiu: a popular criptomoeda Dogecoin encontra-se agora disponível na aplicação da fintech britânica, permitindo desde o início da semana que os seus clientes invistam nesta meme coin.

A Revolut tem 30 criptomoedas disponíveis para investimento – entre as quais XRP, tezos, uniswap, litecoin, loopring, filecoin, celo, cosmos, bancor ou algorand – mas mais virão, uma vez que todas as terças-feiras, ao longo das próximas semanas, a empresa vai adicionar moedas digitais à sua oferta, no âmbito da iniciativa interna “New Tokens Tuesday”.

O token que chegou esta semana à aplicação está este sábado a desvalorizar 1,60% para 0,312780 dólares e tem-se mostrado volátil, tal como a moeda virtual mais famosa do mundo, a bitcoin. É por esse motivo que a Revolut, apesar de acreditar na democratização destes ativos, lembra os seus clientes que “investir em criptomoedas poderá não ser adequado para todos”.

Para encontrar a Dogecoin na app Revolut, basta abrir a aplicação, procurar o separador criptomoedas, clicar em investir e escolher DOGE e o valor. “Tanto os novos investidores, como aqueles que já estão familiarizados com criptomoedas, devem fazer trabalho de pesquisa, tal como fariam com qualquer outro investimento volátil, para perceber as oportunidades e riscos antes de comprar ou vender”, alerta a fintech.

O unicórnio liderado por Nikolay Storonsky, com cerca de 15 milhões de clientes em todo o mundo, encoraja os utilizadores da app a pesquisar informação sólida sobre as diferentes criptomoedas antes de as comprar ou vender, porque “o capital está em risco” e adverte que é necessário “considerar as circunstâncias pessoais, rever fontes independentes” e aprender sobre este mercado.

A Dogecoin começou como uma “piada”, mas acabou por ganhar força nos últimos meses, quando os bilionários norte-americanos Elon Musk, fundador da Tesla e SpaceX, e Mark Cuban, proprietário da equipa de basquetebol The Dallas Mavericks, admitiram ser adeptos da moeda e até aceitá-la como meio de pagamento.

“Eu disse, no passado, que 2021 seria o ano das criptomoedas e a Revolut está cá para cumprir essa promessa. Este lançamento era um dos mais pedidos pelos clientes ao longo dos últimos meses e conseguimos aceder ao desejo dos fãs.  Estamos muito satisfeitos com a adição desta moeda à nossa oferta”, disse o diretor de cripto na Revolut, Edward Cooper.

Curiosamente, a cara que está na Dogecoin – ou seja, o focinho de cão – foi ontem vendida como NFT (non-fungible token) por 4 milhões de dólares (cerca de 3,3 milhões de euros). O meme do cão da raça Shiba Inu, que ficou conhecido como “doge”, foi vendido num leilão online a comprador identificado apenas com o nome da conta do Twitter (@PleasrDAO), que pagou pelos direitos da imagem através de quase 1.700 criptomoedas Ether. Segundo a “NBC”, o dinheiro irá na totalidade para a educadora de infância japonesa Atsuko Sato, a dona do cão que está no meme e na moeda virtual.

Recomendadas

Restauração: Preços afixados com clareza é meio caminho para o bom entendimento entre consumidor e estabelecimento de restauração

A lista do dia e os preços praticados, com taxas e impostos incluídos, devem estar, clara e obrigatoriamente, afixados à entrada do estabelecimento, em local bem visível do exterior.

A herança tem dívidas? Descubra que custos terá de suportar

Fique a par de todos os custos que poderão surgir com uma herança (especialmente se a mesma contiver uma dívida) e algumas dicas para evitá-los.

Serviços Públicos Essenciais: fornecimentos não podem ser cortados até ao final deste ano. O que deve saber

Os avisos de corte que tenham sido enviados ficam sem efeito, não podendo as empresas proceder ao corte de fornecimento, até 31 de dezembro de 2021.
Comentários