Já viu o Jogo Económico? De Gedson a Jovane: como potenciar os jovens talentos do futebol português

Nesta edição, debatemos como os clubes podem rentabilizar os jovens talentos do futebol português. João Marcelino, Luís Miguel Henrique e o convidado Luís Cristóvão, analista de futebol, dão a sua opinião sobre este tema.

Nesta edição, os comentadores residentes, o jornalista João Marcelino e o advogado e consultor Luís Miguel Henrique, moderados pelo jornalista José Carlos Lourinho, debateram qual a melhor forma dos clubes potenciarem os jovens talentos do futebol português e como conciliar a garantia de receitas e o proveito desportivo. Para esta edição, contámos com a participação especial de Luís Cristóvão, analista de futebol.

Em 2017, e de acordo com um relatório da FIFA, Portugal foi quem mais lucrou em transferências, com um saldo positivo próximo dos 570 milhões de euros. Este valor representa o triplo do lucro assegurado pelo Brasil, com um valor de € 182,3 milhões de euros.

Em termos de valores recebidos por transferências também surge, no mesmo relatório da FIFA, em lugar destaque: um total de 645,4 milhões de euros.

A FIFA diz ainda que a Premier League é quem mais contribui para este superavit do futebol português. Em 2017, gastou 265 milhões de euros em jogadores oriundos de Portugal.

Recomendadas

Miguel Oliveira despede-se da Moto2 com vitória em Valência e título de equipas

O português Miguel Oliveira despediu-se hoje da Moto2 com uma vitória no Grande Prémio de Valência, a terceira da temporada, que valeu o título mundial de equipas à Red Bull KTM Ajo.

“Liga portuguesa é pouco interessante para o mercado estrangeiro”

Clubes portugueses parecem ser os únicos que ainda não se tornaram atrativos para os ‘magnatas’ e fundos de investimento mundiais. Liga francesa é o mais recente ‘chamariz’, com o mercado americano a ser o principal alvo na procura de investidores.

Vichai Srivaddhanaprabha: o ‘rei’ de Leicester

O multimilionário tailandês comprou o clube britânico em 2010, quando este militava na segunda liga inglesa. Em apenas seis anos, conseguiu um título inédito de campeão nacional na Premier League. No último sábado, um desastre de helicóptero vitimou-o aos 60 anos.
Comentários