João Leão afasta aumento de impostos após a pandemia

O ministro das Finanças revelou em entrevista à RTP que o aumento de impostos após a pandemia é um “caminho errado” para financiar as medidas tomadas. Na mesma entrevista, João Leão estimou o défice das contas públicas deverá ficar entre os 4,5% e 5% do PIB em 2021.

Recomendadas

Banco de Espanha revê em alta previsão de crescimento do país para 6,2% em 2021

A instituição publicou esta segunda-feira o seu relatório trimestral sobre a economia espanhola no qual indica que a melhor evolução da economia está ligada à menor incidência da pandemia de covid-19, ao progresso da vacinação e a uma maior absorção dos fundos europeus.

Von der Leyen: Certificado Covid-19 aprovado num recorde de 62 dias (com áudio)

A presidente da Comissão Europeia, Ursula Von der Leyen, saudou hoje os responsáveis da presidência portuguesa da União Europeia (UE), Parlamento Europeu (PE) e executivo comunitário por terem conseguido aprovar o certificado digital covid-19 num recorde de 62 dias.

Inflação homóloga aumentou para 1,2% em maio

A classe com maior contributo positivo para a variação mensal do IPC foi a dos ‘transportes’, com uma variação mensal de 0,7% (0,5% no mês anterior e -1,3% em maio de 2020). Em sentido inverso, a classe com maior contributo negativo para a taxa de variação mensal do índice total foi a do ‘lazer, recreação e cultura’, com uma variação mensal de -0,6% (-0,3% em abril e -1,6% em maio de 2020).
Comentários