LG entra no mercado da energia solar em Portugal

A solução da empresa tem “módulos fotovoltaicos, um sistema de armazenamento de energia e uma bomba de calor ar-água”.

LG

Telemóveis, electrodomésticos, televisões e agora… painéis fotovoltaicos. A LG entrou no mercado da energia solar em Portugal com uma estratégia que vai deste a comercialização à instalação. A marca garante que esta é a «única solução energética totalmente integrada do mundo».

No País, a LG tem uma rede de parceiros pronta a dar apoio «técnico e comercial em todas as fases da obra, desde a planificação e design até à instalação e manutenção dos equipamentos e sistemas energéticos».

Para clientes domésticos, a LG lembra que esta nova oferta de painéis fotovoltaicos, a Smart Home Energy Package, pode ser integrada com as soluções de «Home Entertainment, Home & Appliances e Ar Condicionado» e gerida a partir da app ThinQ, que já servia para controlar vários equipamentos da marca coreana.

A solução da LG tem «módulos fotovoltaicos, um sistema de armazenamento de energia e uma bomba de calor ar-água» e permite «não só gerar energia solar como também armazená-la de forma inteligente para usar quando for necessário». Os painéis solares são NeOn (três modelos, com uma garantia de 25 anos) e as bombas de calor ar-água são Therma V R32.

Sobre preços desta solução, disponibilidade efetiva e tempos de execução da montagem deste sistema, a LG não deu qualquer informação nem o seu site nacional tem qualquer informação específica sobre painéis solares, apesar de já ter um separados com as soluções ThermaV.

PCGuia
Ler mais
Recomendadas

Marques Mendes: Governo está a demorar muito tempo a decidir sobre a TAP

O comentador político diz que a solução para a TAP no imediato vai passar por um empréstimo público ou um empréstimo privado com garantia de Estado, apontando que o Estado não vai integrar a Comissão Executiva, mas que os “poderes do Conselho de Administração serão reforçados”.

Luxair retoma voos para Faro com clientes luxemburgueses para hotéis do Grupo NAU

Cerca de 70 turistas do Luxemburgo ficaram alojados no o São Rafael Atlântico e o Salgados Dunas Suites, reabriram hoje, dia 31 de maio, as suas portas, e vão permanecer entre sete e 14 noites.

Centros comerciais vão reabrir amanhã à exceção da Área Metropolitana de Lisboa

Dos 94 centros comerciais associados da APCC, 35 são na Área Metropolitana de Lisboa, representando cerca de 50% do emprego deste subsetor de atividade.
Comentários