Linklaters reforça ‘Dispute Resolution’

A sociedade contratou os advogados Paulo Abreu dos Santos e Belarmino Costa da Silva para o escritório de Lisboa.

A Linklaters anunciou esta terça-feira que reforçou a equipa de Dispute Resolution (resolução de litígios) com a contratação de Paulo Abreu dos Santos e Belarmino Costa da Silva para o escritório de Lisboa, na Avenida Fontes Pereira de Melo.

A sociedade de advogados internacional explica que a dupla integração – como managing associate e associado, respetivamente – neste departamento visa responder às “crescentes necessidades” nesta área.

Paulo Abreu dos Santos tem desenvolvido a sua atividade com maior incidência na área de contencioso societário, civil e comercial e em insolvência e restruturação de empresas, assessorando empresas, incluindo cotadas, de sectores como telecomunicações, banca, seguros, fundos de investimento e indústria farmacêutica. Licenciado na Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, completou o mestrado em Ciências Jurídicas, e é, desde 2016, docente convidado na Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa.

Belarmino Costa da Silva trabalha sobretudo em resolução de litígios, em particular nas áreas de arbitragem, contencioso civil e contencioso criminal. Licenciado na Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, fez ainda duas pós-graduações avançadas em Direito da Arbitragem e em Direito da Insolvência e da Recuperação de Empresas no mesmo estabelecimento de ensino, encontrando-se na fase da dissertação do mestrado em Direito e Ciência Jurídica na especialidade em Direito Penal e Ciências Criminais. O tema é “O Enforcement do RGPD pela CNPD”.

“Estas contratações constituem um passo mais na nossa estratégia de reforço da equipa de Dispute Resolution, que iniciámos há algum tempo atrás e que continuaremos a prosseguir. O Paulo e o Belarmino aumentarão a nossa capacidade de resposta num momento em que os clientes nos confiam cada vez mais mandatos nos seus assuntos mais sensíveis”, garante Nuno Ferreira Lousa, o sócio responsável pelo departamento.

“São dois advogados com um futuro muito promissor e tenho a certeza de que saberão integrar-se rapidamente num grupo muito talentoso e com um fantástico espírito de equipa”, garante o advogado da Linklaters.

Recomendadas
Conferência Inovação e Talento

JE promove conferência sobre inovação e talento na advocacia

Conferência contará com a participação de Tiago Geraldo, advogado sénior da sociedade de advogados Morais Leitão; João Massano, presidente do Conselho Regional de Lisboa da Ordem dos Advogados; e Paulo Cardoso do Amaral, professor da Universidade Católica Portuguesa.
luís_menezes_leitão_bastonário_ordem_advogados

Advogados elogiam pedido de constitucionalidade da lei que obriga denúncias de evasão fiscal

A Provedora de Justiça pediu ao Tribunal Constitucional a 15 de setembro que fiscalize a lei publicada a 21 de julho de 2020 que transpôs uma diretiva europeia, estabelecendo a obrigação de comunicação à AT a de determinados mecanismos internos ou transfronteiriços com relevância fiscal.

Ordem dos Advogados aprova regra que obriga a mestrado ou doutoramento para entrar na profissão

A proposta do Conselho Geral, liderado pelo bastonário Luís Menezes Leitão, teve esta sexta-feira ‘luz verde’ e segue para a Assembleia da República para o veredito final.
Comentários