Little Portugal: A plataforma para promover a comunidade portuguesa em Londres

Duas jovens portuguesas lançaram um projeto multimédia intitulado “Little Portugal” para promover a comunidade portuguesa em Londres.

Recolhendo testemunhos em vídeo que disponibilizam numa página de Internet, o Little Portugal é um projeto lançado no final do ano passado pelas portuguesas Catarina Demony e Ana Có. A equipa inclui uma ‘designer’ portuguesa, um compositor de música romeno e uma operadora de câmara checa.

“O projeto começou para ser uma celebração do que os portugueses estão a fazer aqui em Londres. Há muitas gerações, há todo o tipo de pessoas da comunidade portuguesa a viver em Londres e temos o objetivo de dar a voz a essa comunidade portuguesa”, revelou Ana Có, responsável pelo programa de atividades de uma organização não-governamental em Londres, à agência Lusa.

Formada em Ciências Política, Ana Có considera que existe mais para além do “estereotipo que passa o dia no café português. Há cada vez mais portugueses com qualificações e com cargos importantes que lideram na comunidade inglesa”.

A ideia para o Little Portugal surgiu em conversa com a jornalista Catarina Demony, cuja amizade remonta à vida em Portugal e que reataram durante os estudos universitários em Inglaterra.

As jovens, possuem uma experiência diferente do que é o Portugal contemporâneo e pretendem mostrar um lado mais moderno do país, que, além de profissionais da limpeza, construção ou restauração, também produziu criativos e empreendedores.

As dificuldades iniciais passaram pelo facto de terem de convencer as pessoas da validade do projeto e entretanto, já publicaram nove entrevistas, incluindo de políticos, empresários, ativistas ou profissionais de várias gerações, incluindo um professor inglês que dá aulas de língua inglesa a portugueses.

“Há uma necessidade de, tanto para os britânicos como para os portugueses em Portugal, que a vida de emigrante não é um conto de fadas”, revela Catarina Demony e por isso quer mostrar tanto os casos de sucesso como as histórias de dificuldades.

O projeto – https://littleportugal.org/ – é independente e, garantem as empreendedoras, sobrevive do próprio esforço e financiamento.

O envolvimento dos restantes membros da equipa veio por amizade, o que as obriga a explicar o contexto de algumas entrevistas e comportamento dos portugueses, como os encontros para beber café ou para ver futebol.

Ler mais
Recomendadas

Portuguesa DefinedCrowd entre as empresas com crescimento mais rápido da América

A revista de negócios norte-americana “Inc.” coloca a empresa especializada em Inteligência Artificial na 27ª posição de um ‘ranking’ composto por mais de 4.500 empresas. A distinção deve-se a um crescimento de 8550,28% nas receitas reportado entre 2016 e 2019.

3 mil milhões de euros. Despesas em Investigação & Desenvolvimento em Portugal atingem máximo histórico em 2019

Segundo o Inquérito ao Potencial Científico e Tecnológico Nacional 2019, a despesa total em I&D atingiu 1,41% do PIB, ou seja, quase 3 mil milhões de euros. O Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior fala num regresso à convergência com a Europa.
desinfetante

Pandemia obriga startup de biotecnologia a reinventar-se e avançar para a produção de desinfetantes

Com 12 anos de atividade, a Inokem, especializada em soluções químicas e biológicas, reinventou-se e adaptou-se às necessidades da pandemia da Covid-19 e anuncia agora que vai desenvolver desinfetantes únicos que podem prevenir a propagação do vírus.
Comentários