Madeira administra mais 9.617 vacinas contra a covid-19

Do total de vacinas administradas na Madeira 68.897 (27,1% da população) eram correspondentes à primeira dose e 22.396 (8,8% da população) eram respeitantes à segunda dose.

A Madeira administrou mais 9.617 vacinas contra a covid-19, entre 26 de abril e 02 de maio, elevando total para 91.293. Na semana anterior (19 a 25 de abril) tinham sido administradas 11.932 um novo máximo, de acordo com os dados da Direção Regional de Saúde (DRS).

Das vacinas administradas durante a semana de 26 de abril e 02 de maio, 8.817 foram respeitantes à primeira dose e 800 à segunda dose.

Do total de vacinas 68.897 (27,1% da população) eram correspondentes à primeira dose e 22.396 (8,8% da população) eram respeitantes à segunda dose.

O grupo etário dos 80 ou mais anos já 10.288 vacinas respeitantes à primeira dose (93%), e 9.541 vacinas eram referentes à segunda dose (86,2%). O grupo etário dos 70 aos 79 anos já recebeu 17.735 vacinas respeitantes à primeira dose (94,8%) e 2.972 vacinas eram referentes à segunda dose (15,9%). O grupo etário dos 65-69 anos já recebeu 10.311 vacinas respeitantes à primeira dose (76,9%) e 443 vacinas eram referentes à segunda dose (3,3%).

Recomendadas

Concelhos em alerta. Só Cabeceiras de Basto dá o passo atrás no desconfinamento

O cordão sanitário manter-se-á nas duas freguesias de Odemira. Ainda assim, a ministra Mariana Vieira da Silva diz que a redução da incidência do vírus “é um sinal de uma pandemia que se encontra controlada, pese embora a existência de surtos”.

Média de ocupação dos alojamentos no Algarve foi de apenas 5,7% em abril

“Em valores acumulados, desde o início do ano, a ocupação cama regista uma descida média de 89,4%”, aponta a AHETA.

Governo decide manter cerca sanitária em duas freguesias de Odemira

O fim da cerca sanitária, definida na semana passada, foi reivindicado já pelo município, que na quarta-feira formalizou esse pedido ao primeiro-ministro, António Costa.
Comentários