Madeira: banca recebe 27 milhões de euros em comissões

Em juros e proveitos foram encaixados 49,2 milhões de euros.

As comissões recebidas pelos estabelecimentos bancários, da região, chegaram aos 27 milhões de euros, menos 0,7%, face ao ano anterior. Já os juros e proveitos equiparados atingiram os 49,2 milhões de euros em 2019, menos 1,1%, em comparação com o período homólogo, dizem os dados da Direção Regional de Estatística (DREM).

Os juros de depósitos de clientes ficaram pelos 8,8 milhões de euros.

Já nos seguros, existiam 12 empresas de seguros na região, menos uma, face ao ano anterior. Existiam 43 pessoas empregadas neste setor, menos duas face ao período homólogo.

Os custos com pessoal caíram 8,2%, e os prémios brutos emitidos pelo estabelecimentos de empresas de seguros, da região, ficaram em 53,9 milhões de euros em 2019, 8% face ao ano anterior.

Recomendadas

Madeira quer estar incluída no Banco de Fomento até final do mês

O vice-presidente do executivo madeirense considerou que “se há uma ajuda comunitária à constituição de um banco de fomento para servir a nível nacional, não faz qualquer sentido as regiões não estarem lá representadas”.

Madeira: CDS-PP espera que nova Lei das Finanças Regionais esteja em vigor no primeiro semestre de 2022

o PSD e o CDS-PP já apresentaram as suas propostas para uma nova Lei das Finanças Regionais. Entre elas a integração de um Fundo de Coesão Social, que compense os custos acrescidos das regiões autónomas na Educação e Saúde, e alterações na fiscalidade, que prevê que as taxas de IRS e IRC variem consoante as necessidades.

Saiba o que pode fazer para poupar água

Equipe as torneiras da sua casa com redutores e reduza o seu caudal em cerca de 50%.
Comentários