PremiumMadeira Beer Lab é o motor da inovação na ECM

Com este novo ‘laboratório de experiências’ a Empresa de Cervejas da Madeira reduz custos de investigação e amplia leque de novos produtos.

O Madeira Beer Lab, que resulta de uma parceria entre a Empresa de Cervejas da Madeira (ECM) e a Universidade da Madeira (UMa), tem ganho relevo no desenvolvimento de produtos por parte da empresa. Trata-se de um ‘laboratório de experiências’ quer para os atuais produtos da ECM quer para testar novos produtos que estejam a ser pensados para lançamento no mercado.

“O Madeira Beer Lab é uma área da empresa muito importante. Temos um espaço de experimentação e convívio, dentro do Madeira Beer Lab, no sentido dos vários setores da empresa darem a sua opinião. Não basta um gostar. É preciso que os produtos tenham aceitação geral. É preciso que muita gente experimente e dê opinião. É o resultado da soma dessas opiniões que se conclui um produto pensando se vai satisfazer o mercado. Depois dessa experimentação interna fazem-se testes exteriores com consumidores para se perceber bem a sua avaliação e opinião sobre o produto”, explica Miguel de Sousa, CEO da ECM.

Conteúdo reservado a assinantes. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor. Edição do Económico Madeira de 6 de novembro.

Recomendadas

PremiumEduardo Lourenço: Praticamente 100 anos de reflexão

Desde há muito um dos intelectuais mais consensuais, o autor de livros como “O Labirinto da Saudade” distinguia-se pela serenidade com que, vivendo longe do país, pensava Portugal e aquilo que é ser português. Morreu aos 97 anos, no dia da Restauração.

PremiumApoiados por Bolsonaro e por Lula sofrem desaire nas grandes cidades

Segunda volta das municipais confirmou força do centro-direita que tenta recuperar o poder em 2022, vitorioso em São Paulo e no Rio de Janeiro. E provou que há vida na esquerda além do PT, que pela primeira vez não governa nenhuma capital estadual.

PremiumNuno Vieira: “Smart contracts trazem inúmeras oportunidades”

Conferência promovida pela Antas da Cunha ECIJA e Jornal Económico, no dia 9, vai incluir a primeira demonstração pública em Portugal da execução de uma hipoteca com esta tecnologia, sem necessidade de recorrer a registos nas conservatórias.
Comentários