Madeira: Coligação PSD/CDS entrega lista de candidatos à Câmara do Funchal

O candidato e Vice-Presidente do Governo Regional fez questão de assumiu o compromisso de sair do Governo antes das eleições.

A Coligação Funchal Sempre à Frente do PSD/CDS entregou esta quinta-feira no Palácio da Justiça a lista de candidatos à autarquia do Funchal.

Para o candidato a Presidente da Câmara Municipal do Funchal, Pedro Calado, estas são “listas muito completas e equilibradas”, compostas por pessoas “leais, com provas dadas nas suas atividades profissionais e com dedicação à causa social”.

Pedro Calado salientou que nestas listas praticamente todas as profissões estão representadas. “Temos uma boa lista, com representantes de todas as freguesias do concelho do Funchal, e temos pessoas com muita experiência autárquica”.

“Temos tudo para ganhar o Funchal e estamos certos de que a população vai entender o nosso projeto e que no dia 26 de setembro sairemos vencedores destas eleições”, afirmou.

O candidato e Vice-Presidente do Governo Regional fez ainda questão de assumiu o compromisso de sair do Governo antes das eleições. “Vou sair do Governo muito antes das eleições. Vou estar em funções algures até ao final de agosto, mas a partir desse momento vou dedicar-me a 200% à cidade do Funchal, ao concelho do Funchal, onde já trabalhei durante oito anos”.

“Quero abraçar o projeto do Funchal a 200%, com todas as minhas forças e convicções. Eu e todas as pessoas que estão comigo e que fazem parte destas listas”, sublinhou.

A lista liderada por Pedro Calado à Câmara Municipal do Funchal conta com nomes como Cristina Pedra, Bruno Pereira, Margarida Pocinho, João Rodrigues e Nádia Coelho. Completamente paritária, esta lista é composta por onze homens e onze mulheres. A idade média dos candidatos é de 43 anos.

Já a lista à Assembleia Municipal, liderada pelo médico pediatra José Luís Nunes, tem 66 candidatos, dos quais 45% são mulheres. A média de idades é também de 43 anos.

Recomendadas

Universidade da Madeira conquista segundo lugar em concurso nacional de empreendedorismo

O Palmito do Atlântico é um projeto voltado para a sustentabilidade e para a economia circular, alinhado com os 17 objetivos de desenvolvimento sustentável da ONU.

Vulcão nas Canárias: Madeira disponibiliza ajuda no âmbito da Proteção Civil

Entre os recursos madeirenses colocados ao dispor das autoridades canarianas, está uma brigada para Busca e Resgate em Montanha, serviços de emergência médica pré-hospitalar altamente diferenciada (médicos, enfermeiros, TAS, TAT) e uma brigada helitransportada para multi mission.

Venda de smartphones sem carregador é correta à luz da lei?

Se o profissional não inclui um adaptador de corrente com o smartphone e que não informa, de forma cuidadosa, o consumidor – trata-se de uma omissão enganosa e, como tal, conduz ou é suscetível de conduzir o consumidor a tomar uma decisão de compra que não teria tomado de outro modo.
Comentários