Madeira: exportações crescem 48,6% e importações 9,6%

Em 2017, o saldo comercial das transações de bens registou um superavit de cerca de 5,6 milhões de euros, um máximo histórico que não se registava desde 1976.

Peter Nicholls/Reuters

Quer as exportações, quer as importações registaram um aumento em 2017, de 48,6% e 9,6% respetivamente. Os dados da Direção Regional de estatística da Madeira (DREM) revelam que, em termos globais, as exportações superaram os 146,7 milhões de euros, enquanto as importações rondaram os 141,2 milhões de euros, traduzindo uma taxa de cobertura das importações pelas exportações de 103,9%, mais 76,7% do que em 2016.

Os indicadores provisórios de 2017 relativos ao Comércio Internacional de Bens mostram que o saldo comercial das transações de bens registou um superavit de cerca de 5,6 milhões de euros, um máximo histórico desde 1976, altura em que começaram a existir dados disponíveis.

O saldo positivo na Balança Comercial com o estrangeiro em 2017 sucede ao défice de 30,0 milhões de euros registados em 2016. Segundo a DREM, o aumento das exportações foi determinado pelas transações comerciais de bens com os países Extra-UE, que passaram de 64,3 milhões de euros em 2016 para 105,9 milhões de euros em 2017. As exportações para países Intra-UE rondaram os 40,8 milhões de euros em 2017, valor acima dos 34,5 milhões de euros contabilizados em 2016.

A Direção Regional de Estatística realça que o crescimento verificado ao nível das importações de bens foi transversal aos dois tipos de comércio, o intra e o extracomunitário. No primeiro caso, as importações atingiram os 122,9 milhões de euros no ano de 2017, 7,6 milhões de euros acima do contabilizado no ano precedente. Por sua vez, as aquisições feitas a países Extra-UE aumentaram de 13,4 milhões de euros em 2016 para 18,3 milhões de euros em 2017.

Recomendadas

Música e poesia juntas na Feira do Livro do Funchal

A Feira do Livro vai estar disponível na Avenida Arriaga até ao dia 2 de junho, com lançamentos de livros, encontros literários, concertos e teatros. Também há um espaço dedicado ao público infanto juvenil no Largo da Restauração.

Instalações florais vão decorar a cidade do Funchal até domingo

As Charolas em Flor, à entrada do Cais da cidade são a principal marca deste circuito e acabam por dar as boas-vindas a quem visita a ilha. Ao longo da Avenida e junto à Praça do Mar, a aposta incide num jardim ao vivo, sendo que, à entrada da Assembleia Legislativa Regional, lança-se um convite à interação do público.

PSD afirma que é preciso garantir que a Madeira continue bem representada na Europa

A candidata do PSD Madeira ao Parlamento Europeu disse que vai continuar a trabalhar para que se a continue a ter uma melhoria das condições económicas e sociais da Madeira.
Comentários