Madeira recebe reunião de presidentes das assembleias da Macaronésia em 2020

Esta foi uma das decisões tomadas no âmbito das Jornadas Atlânticas, que se estão a realizar em Cabo Verde, onde a Madeira possui uma delegação.

A Madeira vai receber a reunião dos presidentes das assembleias dos parlamentos da Macaronésia e ainda a reunião do grupo de ligação, em início de 2020. Esta foi uma das decisões tomadas no âmbito da Jornadas Atlânticas que se estão a realizar em Cabo Verde, que têm o intuito de potenciar sinergias para o desenvolvimento das Regiões Ultraperiféricas.

Na reunião das Jornadas Atlânticas, que reúnem os parlamentos da Madeira, Açores, Canárias e Cabo Verde, chegou-se a um consenso sobre temas como: a sustentabilidade económica e social, em áreas como a economia azul, a economia circular, a mobilidade no espaço da Macaronésia ou a correção de desigualdades sociais.

Foi ainda manifestada preocupação com a sustentabilidade ambiental e biodiversidade, e um alerta para a necessidade de se promover iniciativas que conduzam a resultados na área da proteção ambiental, com particular destaque para a eliminação do plástico na Macaronésia.

No âmbito das jornadas Tranquada Gomes, presidente da Assembleia Legislativa da Madeira, salientou a importância destas jornadas atlânticas para a “afirmação da posição geoestratégica das regiões da Macaronésia e da sua singularidade”, sem prejudicar “a identidade própria” de cada uma das regiões

A reunião decidiu ainda que a X edição destas Jornadas atlânticas terá lugar em Cabo Verde, a 13 e 14 de
julho de 2020.

Relacionadas

Arquipélagos da Macaronésia vão avançar com campanha “plástico zero”

Cabo Verde, Açores, Canárias e Madeira, que formam a região da Macaronésia, já estão a trabalhar na legislação assim como os respetivos institutos e centros de investigação para se atingir os objetivos pretendidos.
Recomendadas

Cerimónia fúnebre de Dom Paulino Évora reúne centenas de pessoas na Praia

A ilha de Santiago disse adeus ao primeiro bispo de Cabo Verde. Dom Paulino Évora foi ordenado sacerdote em Portugal em 1962.

Jogos Africanos de Praia fazem de Cabo Verde destino desportivo

“Esta aposta vale a pena porque está dentro da estratégia de tornar Cabo Verde num país relevante no mundo de organizações de eventos desportivos”, disse o ministro do Desporto cabo-verdiano.

Empresas privadas com “expectativas enormes” sobre fórum de investimento em Cabo Verde

O Cabo Verde Investment Forum está agendado para os próximos dias 1, 2 e 3 de julho. “A questão do financiamento continua a ser um dos grandes desafios para o sector privado nacional”, disse o secretário-geral da Câmara de Comércio de Sotavento.
Comentários