Madeira: Savoy Palace e Saccharum reabrem em julho

Seguindo as orientações da Organização Mundial da Saúde (OMS) e das Entidades Nacionais e Regionais de Saúde, a Savoy Signature reviu as suas linhas de ação e preparou o programa ‘Stay Safe, Stay Savoy’, adaptando os seus serviços.

A Savoy Signature vai reabrir mais duas unidades da sua coleção durante o mês de julho. Depois da reabertura do primeiro hotel, o Calheta Beach, no dia 9 de junho, em julho é a vez do Savoy Palace retomar a atividade, no dia 13, seguido do Saccharum, no dia 31.

Seguindo as orientações da Organização Mundial da Saúde (OMS) e das Entidades Nacionais e Regionais de Saúde, a Savoy Signature reviu as suas linhas de ação e preparou o programa ‘Stay Safe, Stay Savoy’, adaptando os serviços desde o transporte de hóspedes ao check-out, passando pelos quartos, restauração e atividades de lazer, sem deixar descurar a experiência de quem visita as unidades do grupo.

“Nestas reaberturas da Savoy Signature implementámos medidas adicionais com foco na segurança dos nossos colaboradores e dos hóspedes, sem deteriorar a qualidade de serviço que tão bem nos caracteriza. Apesar da época desafiante que vivemos e das adaptações introduzidas, mantemos a experiência daqueles que nos visitam”, assegura a Administração da Savoy Signature.

As medidas implementadas incluem o reforço dos processos de desinfeção, a disponibilização de artigos de proteção individual, bem como dispensadores com solução antissética em diversas áreas do hotel, e a reorganização de espaços e de formas de contacto para contribuir para o distanciamento físico. Nos bares e restaurantes, a capacidade de ocupação estará limitada, serão estabelecidos horários para as refeições, criando rotatividade, e privilegiadas as opções por menus à la carte, evitando sempre que possível o self-service e os buffets. As piscinas, ginásios e spas também estarão em funcionamento seguindo indicações das autoridades de saúde.

O programa ‘Stay Safe, Stay Savoy’ vai servir de linha orientadora de atuação para todas as unidades da coleção Savoy Signature, cujas restantes reaberturas estão previstas acontecer nos próximos meses.

 

Ler mais
Recomendadas

38% das empresas da Madeira reportam redução superior a 50% no volume de negócios

37% das empresas reportou ter existido um aumento no volume de negócios, quando se compara a 1.ª quinzena de junho com a 2.ª quinzena de maio.

Pandemia mostrou que a Madeira precisa de autonomia mais ampla, diz presidente do Governo Regional

O presidente do executivo madeirense disse ficou evidente aos olhos de todos, sobretudo no início desta crise pandémica, “quão necessário é assegurar para a nossa região uma autonomia mais ampla, que proporcione maiores poderes de decisão aos nossos órgãos de governo próprio”.

Madeira: inscrições no centro de emprego crescem 6%

As ofertas de emprego desceram 71% em termos homólogos, enquanto que as inserções no mercado de trabalho do longo de maio caíram 45%.
Comentários