Marques Mendes diz que David Neeleman está a negociar venda da TAP a “uma grande companhia área europeia”

No seu espaço de comentário na estação televisiva “SIC”, Marques Mendes refere que “as negociações não estão ainda fechadas, mas estão muito bem encaminhadas”.

Marques Mendes afirma que David Neeleman está a negociar a venda da sua posição na TAP a “uma grande companhia aérea europeia”.

No seu espaço de comentário na estação televisiva “SIC”, Marques Mendes refere que “as negociações não estão ainda fechadas, mas estão muito bem encaminhadas”, faltando acertar alguns detalhes como saber “se sai apenas ele [David Neeleman] ou também o acionista português, que em princípio não sairá”.

Marques Mendes recordou que esta semana “foi uma semana de guerra aberta”, entre o ministro Pedro Nuno Santos e David Neeleman por dois factos: os prejuízos da TAP, que “em 2018 tinha dado mais de 100 milhões de euros de prejuízo”, que o CEO da TAP, Antonoaldo Neves “desvalorizou, mas o ministro no dia seguinte veio dizer “isto é sério”, porque a TAP previa ter lucros e acabou a dar prejuízo e o ministro tem toda a razão”

O outro facto esteve relacionado com a polémica dos prémios distribuídos aos trabalhadores. “Não faz sentido distribuir prémios quando a TAP previa dar lucros e deu prejuízos. E depois distribuir prémios a 1% dos trabalhadores. E os outros 99%? Não trabalharam? O ministro aqui tem toda a razão. Espero que os dois acionistas se entendam nesta matéria”, salientou Marques Mendes.

Relacionadas

Prejuízos da TAP nos próximos dois anos? Governo diz que “não pode simplesmente anuir”

O ministro das Infraestruturas e da Habitação, Pedro Nuno Santos, acredita que a companhia aérea TAP vai precisar de alguns anos até sair do vermelho e aconselha a empresa a evitar decisões que possam ser “negativas e desrespeitosas” para com próprios trabalhadores.

PremiumAntonoaldo Neves: “A TAP não vai crescer durante pelo menos os próximos dois anos”

Faltam ‘slots’ para os aviões da TAP no aeroporto Humberto Delgado. Antonoaldo Neves diz ao Jornal Económico que isso implica a não realização de 1.500 voos no próximo verão e que o problema não tem solução rápida.
TAP Portugal

105,6 milhões de euros de prejuízos em 2019 transformam TAP num “barril de pólvora”

A situação na TAP, segundo referiram ao Jornal Económico fontes da empresa, “é um verdadeiro barril de pólvora, porque voltou a viver um aumento de tensões entre acionistas e entre a tutela estatal e a gestão executiva, em questões que são do manifesto desagrado da Comissão de Trabalhadores”.
Recomendadas

Covid-19: Carris aumenta oferta nos dias úteis

A Carris – Transportes Públicos de Lisboa vai aumentar a oferta nos dias úteis, a partir de segunda-feira, nas carreiras onde se tem verificado uma maior procura, na sequência da pandemia de covid-19, foi hoje anunciado.

Banco de Portugal salienta que as moratórias públicas ou privadas devem ser tratadas da mesma forma

O Banco de Portugal destaca que a segundo esclareceu a EBA, as moratórias, de iniciativa pública ou privada, devem ser tratadas da mesma forma, desde que tenham um propósito e caraterísticas semelhantes. “A EBA definirá, em breve, quais os critérios a observar para o efeito”, diz a entidade de supervisão.

Oxford Economics estima recessão de 2,2% na zona euro e estagnação mundial

“A pandemia do novo coronavírus vai infligir uma profunda recessão na economia mundial, e em muitas das principais economias, durante a primeira metade deste ano”, lê-se numa nota enviada aos investidores, e a que a Lusa teve acesso, na qual se prevê que a zona euro caia 2,2%, os Estados Unidos 0,2% e a China cresça apenas 1%.
Comentários