Marsh & McLennan finalizou a aquisição do Grupo Jardine Lloyd Thompson

Esta aquisição alavanca a posição de liderança da Marsh & McLennan na corretagem de seguro e de resseguro, saúde e pensões, com presença em mais de 130 países, diz a empresa.

Simon Dawson/Reuters

A Marsh & McLennan Companies, Inc finalizou hoje a aquisição do Grupo Jardine Lloyd Thompson (JLT) por um total de 5,6 mil milhões de dólares (4,99 mil milhões de euros) “em valor de capital totalmente diluído, reforçando o seu papel como empresa global proeminente nas áreas de risco, estratégia e capital humano”, refere a empresa norte-americana em comunicado.

Esta aquisição alavanca a posição de liderança da Marsh & McLennan na corretagem de seguro e de resseguro, saúde e pensões, com presença em mais de 130 países, diz a empresa.

A Marsh & McLennan Companies presta serviços de consultoria a 95% da Fortune 1000® e expandiu significativamente a sua presença nos segmentos de “middle market” e de “small comercial”. A empresa combinada fornece serviços de consultoria e soluções no valor de mais de 100 biliões de dólares de prémios, colocados globalmente, de seguro e resseguro de “property/casualty”.

“Hoje marca-se o início de uma nova era com a união dos grupos Marsh & McLennan e JLT. A esta fusão, junta-se também uma combinação de forças, onde o objetivo principal é o crescimento – em talento, capacidades, receitas e lucros”, afirma Dan Glaser, Presidente & CEO, Marsh & McLennan Companies.

Esta aquisição reforça os esforços da Marsh & McLennan para se expandir em geografias e segmentos de mercado em rápido crescimento e investir em data & analytics, enquanto reforça as suas capacidades na corretagem de seguros, pensões e benefícios.

 

“Como anunciado anteriormente, é esperado que esta transação agregue valor imediato por forma a ajustar-se aos lucros por ação que, como previsto, irão produzir uma taxa de rendimento interno de dois dígitos”, diz a empresa

A Marsh & McLennan  está cotada em Nova Iorque e é um grupo global de serviços profissionais nas áreas de risco, estratégia e capital humano. Aproximadamente 75.000 colaboradores em mais de 130 países. Com receitas anuais que ultrapassaram os 15.000 milhões de dólares em 2018, a Marsh & McLennan ajuda os clientes a navegarem num ambiente em dinâmico e complexo crescimento através das suas 4 empresas-líder.

 

 

Ler mais
Recomendadas

Ordem dos Advogados: Conselho Regional de Lisboa pede isenção de três meses no pagamento das quotas

O conselho que reúne mais de metade dos 32 mil advogados inscritos na Ordem pede auxílio financeiro para mitigar os efeitos que o novo coronavírus traz ao rendimento mensal de muitos destes profissionais.

Efeitos jurídicos das medidas governativas no âmbito do combate à Covid-19

Poder-se-ia sustentar que apoios à manutenção de postos de trabalho são também apoios às empresas. Contudo, os referidos apoios exigem uma disponibilidade financeira imediata das empresas.

Respostas rápidas: como funciona o regime do ‘lay-off’ simplificado?

O ‘lay-off’ simplificado é uma das medidas anunciadas pelo Governo destinadas a apoiar as empresas durante a pandemia da Covid-19. No entanto, o texto legislativo tem deixado algumas dúvidas de interpretação. O escritório Morais Leitão, Galvão Teles, Soares da Silva & Associados fez um estudo em que pretende dissipar algumas dúvidas.
Comentários