Matos Fernandes agradece a Greta por sensibilizar gerações para “o maior desafio dos nossos tempos”

O governante enviou uma carta à ativista a agradecer o trabalho na luta contra as alterações climáticas. “Estamos gratos pelo teu ativismo”, disse o ministro.

O ministro do Ambiente e da Ação Climática, João Pedro Matos Fernandes, enviou uma carta a Greta Thunberg a agradecer o trabalho da jovem ativista na luta contra as alterações climáticas. Greta, que chega a Lisboa na manhã de terça-feira, vai participar nos dias 2 a 13 de dezembro na cimeira sobre as Alterações Climáticas (COP25), que se realiza em Madrid.

“Temos uma estratégia nacional ambiciosa de adaptação às alterações climáticas que temos seguido à risca porque, para Portugal, trata-se de um problema atual e não do futuro”, afirmou o ministro, agradecendo a Greta por tentar sensibilizar velhos e novos para “o maior desafio dos nossos tempos”.

Matos Fernandes apresenta ainda alguns dados sobre o que já foi conseguido: 54% da eletricidade consumida no país já é obtida através de fontes renováveis; há projetos em curso para encerrar as duas centrais termoelétricas de carvão em 2021 (Pego) e 2023 (Sines); há uma “aposta forte” em redução as emissões do sector dos transportes em 40% em 2030; nesse ano iremos alcançar 50% de redução de emissões de gases com efeito de estufa e 47% de toda a energia consumida no país será proveniente de fontes renováveis, explica Matos Fernandes.

“Estamos gratos pelo teu ativismo, como forma de sensibilizar todos, gerações novas e velhas, para o maior desafio dos nossos tempos”, despede-se o ministro, na carta escrita em inglês.

Relacionadas

Greta Thunberg chega à Doca de Alcântara na manhã de terça-feira

Greta Thunberg foi convidada também para estar presente numa sessão na Assembleia da República, mas não confirmou ainda a sua presença

Greta Thunberg chega a Portugal de veleiro em dezembro

Ativista sueca aceitou convite para participar numa sessão na Assembleia da República promovida pela comissão parlamentar de Ambiente, Energia e Ordenamento do Território, que se realizará entre o final deste mês e início de dezembro e conhecer membros da Greve Climática Estudantil portuguesa.

Ministro do Ambiente diz que ativista Greta Thunberg é “muito bem-vinda” a Portugal

A propósito da nova greve climática estudantil que se decorre hoje e cidades de todo o mundo, com manifestações agendadas em cinco cidades portuguesas, o ministro do Ambiente e da Ação Climática diz estar expetante e entusiasmado.
Recomendadas

Europa vai sofrer ondas de calor cada vez mais extremas

Estudo da Agência Ambiental da União Europeia (EEA) prevê que que a Europa venha a sofrer ondas de calor cada vez mais extremas todos os anos.

Greta Thunberg já chegou a Lisboa: “Não vou parar. Nenhum país do mundo está a fazer o suficiente”

De Lisboa, a jovem ativista vai para Madrid para participar na cimeira do clima COP 25, organizada pelas Nações Unidas, onde o mundo vai se reunir para debater as alterações climáticas.

Greta chega hoje a Lisboa. Conheça as polémicas da jovem ativista

Lisboa e Nova Iorque estão separadas por 21 dias, à velocidade de cruzeiro do ‘La Vagabonde’, onde a jovem ativista de 16 anos se encontra. Greta Thunberg chega esta terça-feira a Lisboa.
Comentários