Miguel Albuquerque: Falta vontade política para assegurar linha marítima entre o Continente e a Madeira

Miguel Albuquerque falava à margem de uma visita ao navio ‘World Voyager’, atracado no Porto do Funchal, e que está registado no Registo Internacional de Navios da Madeira (MAR). Este é o primeiro navio de cruzeiros a atracar na Madeira desde a paragem pela Covid-19.

O Presidente do Governo Regional da Madeira, Miguel Albuquerque, voltou a referir, depois de o ter feito na véspera do Dia de Portugal com o Presidente da República, a necessidade de se arranjar soluções para a mobilidade entre a Madeira e o Continente, quer seja mobilidade digital, aérea e marítima.

No que respeita à mobilidade marítima entre o arquipélago e o território continental, Miguel Albuquerque, referiu que “falta vontade política”.

“Tem de haver apoios do Estado para estas ligações. Isto não são linhas automaticamente rentáveis (…), mas é um exercício de soberania e afirmação nacional e de coesão nacional. Isto é um exercício de geopolítica. É isso que nós tentamos explicar, mas depende obviamente da vontade política do Governo”, frisou, salientando o exemplo espanhol, no caso das Ilhas Baleares e das Ilhas Canárias.

O governante referiu ainda que não faz “nenhum sentido que os portugueses sejam obrigados a viajar a preços caríssimos” nas viagens aéreas entre o continente e o arquipélago, enquanto é mais barato ir para o estrangeiro.

Miguel Albuquerque falava à margem de uma visita ao navio ‘World Voyager’, atracado no Porto do Funchal, e que está registado no Registo Internacional de Navios da Madeira (MAR). Este é o primeiro navio de cruzeiros a atracar na Madeira desde a paragem pela Covid-19.

Recomendadas

Madeira admite possibilidade de recuar na decisão dos testes rápidos a partir de julho para quem chega à Região

O governante realçou que o avançar ou não da medida está dependente não só da evolução da situação epidemiológica da Região, mas também da situação que se verificar em Portugal Continental, nomeadamente na Área Metropolitana de Lisboa.

Madeira ainda não registou casos de infeção pela variante Delta

Pedro Ramos falava no âmbito da assinatura de um contrato-programa com a Mesa da Saúde Privada da Associação Comercial e Industrial do Funchal (ACIF), no Funchal, que estabelece 16 novos postos para a realização de testes rápidos antigénio (TRAg) para a Covid-19.

Câmara do Funchal atribui 12.500 euros à Associação Regional de Canoagem da Madeira

O apoio visa auxiliar a organização do Campeonato Nacional Canoagem Mar/Madeira Ocean Challenge, e decorre no âmbito do programa  da Autarquia de apoio ao associativismo e atividades de interesse municipal.
Comentários