Não é um ‘addio’, é um ‘arriverdeci’. Despedida emocionada do presidente do Parlamento Europeu aos deputados britânicos

“Caros amigos britânicos, um ‘addio’ (adeus) italiano é uma palavra demasiado definitiva, por isso, junto com os meus colegas, direi apenas ‘arrivederci’ (até breve)”, afirmou o responsável transalpino. No final do debate e votação, foram vários os representantes britânicos que assinalaram a ocasião, tendo ecoado no hemiciclo a nostálgica canção tradicional do folclore britânico, com origem num poema escocês, “Auld Lang Syne”.

DR AP

O presidente do Parlamento Europeu (PE), David Sassoli, preferiu hoje dizer somente “até breve” aos deputados britânicos, no dia em que a câmara aprovou definitivamente o Acordo de Saída do Reino Unido da União Europeia (UE).

“Caros amigos britânicos, um ‘addio’ (adeus) italiano é uma palavra demasiado definitiva, por isso, junto com os meus colegas, direi apenas ‘arrivederci’ (até breve)”, afirmou o responsável transalpino.

No final do debate e votação, foram vários os representantes britânicos que assinalaram a ocasião, tendo ecoado no hemiciclo a nostálgica canção tradicional do folclore britânico, com origem num poema escocês, “Auld Lang Syne”.

“Entristece-me pensar que chegamos a este ponto e que um membro há muito tempo, parceiro e amigo tenha decidido deixar a família da UE. Em nome do PE, quero expressar a nossa profunda admiração e gratidão aos colegas britânicos e à sua contribuição ao longo dos anos. A sua presença enriqueceu a instituição e teremos saudades”, disse Sassoli.

Muitos parlamentares deram as mãos e trocaram abraços, alguns deles visivelmente emocionados.

“Obviamente, respeitamos e aceitamos completamente a decisão do povo do Reino Unido e o seu desejo de construir um futuro diferente fora da UE. Continuaremos amigos próximos e parceiros. O que temos em comum, da história e geografia partilhadas aos valores, vai levar-nos a cooperar de forma próxima em quase todas as áreas. Contudo, a relação vai ser diferente, algo inevitável, e, de certa maneira, imprevisível”, afirmou ainda o presidente do PE.

Ler mais

Relacionadas

Parlamento Europeu aprova acordo do Brexit

Britânicos vão deixar a União Europeia de forma oficial esta sexta-feira às 23 horas.

Nigel Farage: “O Brexit é apenas o início de uma reconfiguração na Europa”

O antigo presidente do UKIP e cofundador do Partido Brexit considera que a saída do Reino Unido da União Europeia é resultado de um exercício democrático. “Não há volta a dar. Isto é uma vitória”, afirmou esta quarta-feira em conferência de imprensa em Bruxelas.

Brexit: Parlamento Europeu carimba hoje saída do Reino Unido da UE

O Parlamento Europeu (PE) vota hoje, em Bruxelas, o Acordo de Saída do Reino Unido da União Europeia, a derradeira etapa formal para a efetiva consumação do ‘Brexit’ dois dias depois, em 31 de janeiro.
Recomendadas

Endividamento da economia aumentou 3,1 mil milhões de euros em 2019

O endividamento da economia aumentou em termos nominais no final de 2019, face a igual período de 2018. No entanto, em percentagem do Produto Interno Bruto (PIB) caiu de 352,1% para 341,2%.

Dívida pública caiu para 118,2% em 2019, abaixo das estimativas do Governo

A dívida pública na ótica de Maastricht prossegue uma trajetória descendente, já que diminuiu face aos 122,2%, registados em 2018. Fixou-se ainda abaixo dos 118,9% esperados pelo Governo.

Isabel dos Santos impugna arresto de contas bancárias em Portugal

A empresária diz que não consegue pagar salários, ao fisco, Segurança Social e a fornecedores. Adianta ainda que as empresas nas quais detém participação maioritária têm empréstimos por reembolsar, no valor de 180 milhões de euros, tendo já reembolsado 391 milhões.
Comentários