PremiumNegócio da banca passa cada vez mais por novos serviços

O responsável pela área de banca e setor financeiro da VdA diz que os bancos estão a deixar de ser bancos de balanço, que concedem crédito e recebem depósitos, para passarem a ser “bancos de serviço”. O que, defende, cria um novo paradigma.

Em entrevista, Pedro Cassiano Santos, sócio da Vieira de Almeida & Associados, analisa a evolução do setor bancário português e antecipa uma mudança no modelo de negócio.

Tendo em conta a sua experiência como advogado ligado às áreas de banca, mercado de capitais e setor financeiro, como é que vê o atual momento do setor bancário português? Depois da resolução do BES e do processo de adaptação que teve lugar nos últimos anos, como é que os bancos portugueses comparam hoje com os outros bancos europeus?
Em primeiro lugar vejo que o setor esta numa transformação também motivada pela nova tecnologia, acelerada e muito importante. Isto não é só em Portugal, pelo contrário, é uma tendência que eu vejo em outras jurisdições, até mesmo com caráter universal. Os bancos estão a deixar de ser bancos de balanço, ou seja, bancos que aceitam depósitos e concedem crédito.

Conteúdo reservado a assinantes. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor

Recomendadas

Regulador cabo-verdiano apresenta normas sobre fundos de investimento e titularização de créditos

O objetivo é que o documento contribua para o desenvolvimento dos “pilares normativos fundamentais” do mercado de valores mobiliários de Cabo Verde.

Santander assessorou Finerge na compra de parques eólicos

Em comunicado enviado às redações, a Finerge, segundo maior produtor de energia eólica, revelou esta segunda-feira que adquiriu à Brookfield Renewable dois parques eólicos situados em Arganil e em Montalegre, reforçando assim a sua posição de operador de energias renováveis no país.

Nuno Magalhães e Pedro Ferros reforçam equipa da CLA Advogados

A CLA – Castro Caldas, Correia Lopes, Mendes de Almeida e Associados anunciou as entradas de Nuno Magalhães e de Pedro Ferros, como Of Counsel e novo sócio, respetivamente.
Comentários