Nós, Cidadãos alerta para possíveis “tormentas” derivadas do falhanço das negociações sobre carreira dos professores

O partido questiona a Secretaria da Educação sobre o grau de cumprimentos que está a existir na Madeira relativamente às recomendações do Observatório de Recursos Educativos sobre o excesso de peso das bolsas escolares.

O Nós, Cidadãos alertou para a possibilidade de existirem brevemente “tormentas” derivadas do falhanço das negociações em volta da recuperação do tempo de serviço dos docentes.

Este alerta do partido inclui um outro relativo ao peso excessivo das bolsas escolares. O Nós, Cidadãos questiona a Secretaria Regional da Educação sobre o grau de cumprimento das recomendações de um documento do Observatório dos Recursos Educativos.

“O que é que já foi feito e o que falta ainda fazer para que um problema que existe – e que é motivo de grande preocupação para a nossa sociedade – mereça uma solução real”, pergunta o partido.

Fica o apelo do Nós, Cidadãos, para que algumas das recomendações do Observatório dos Recursos Educativos “não tenham ficado esquecidas numa qualquer gaveta”, e realça o desejo de que as crianças “não carreguem às costas um peso por vezes três vezes superior ao recomendado” pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

De referir que entre as recomendações do observatório estão entre outras: a atribuição de um cacifo por aluno para guardar materiais de estudo e uma sala fixa por turma, a organização de horários escolares capazes de minimizarem as solicitações de material escolar por dia, divisão dos manuais escolares em fascículos.

Recomendadas

Madeira chega aos 130 casos ativos de covid-19

A Madeira teve mais oito casos positivos e duas recuperações. Dos casos ativos 119 são importados e 11 de transmissão local.

Madeira: Cafôfo garante que nas autárquicas o PS terá “ampla representação” de mulheres

O presidente do PS Madeira disse que a luta pela igualdade tem de continuar “porque ainda persistem muitas desigualdades”, entre as quais as salariais e no acesso aos lugares de poder.

Gasolina fica mais barata na Madeira

A gasolina passa dos 1,372 para os 1,366 euros por litro, enquanto que o gasóleo passa dos 1,103 para os 1,105 euros por litro.
Comentários