Novo Banco, Montepio e BCP são os bancos com mais imóveis para vender

No total são 4,3 mil milhões de euros à espera de comprador.

Os bancos têm um total de 24 mil imóveis para vender, refere o Diário de Notícias. Os dados divulgados pelo DN mostram ainda que o Novo Banco tem 5.962 imóveis para vender, o Montepio tem 5.258 e o BCP estima-se que 5 mil, sendo estes os bancos com mais imóveis para vender.

A CGD está em quarto lugar com 4.289 imóveis, o Santander tem 2.718 e o BPI tem 614.

No total são 4,3 mil milhões de euros à espera de comprador.

A maioria destes imóveis são casas que os bancos receberam de particulares e de empresas que entraram em incumprimento, por não pagarem os empréstimos.

O número de imóveis dos bancos já é mais reduzido face ao final de 2017, graças a inúmeros leilões e a uma política agressiva de venda de malparado a fundos.

Recomendadas

Valor médio das rendas fixa-se nos 5,41 euros por metro quadrado

Esta valor representa uma descida de 9,8% pontos percentuais (p.p) nos novos contratos de arrendamento. No segundo trimestre de 2020, houve uma redução do valor médio das rendas face ao período homólogo em 12 dos 24 municípios com mais de 100 mil habitantes.

Alojamento local perdeu quase três mil casas entre Lisboa e Porto durante a pandemia

Na capital registaram-se menos 1.744 apartamentos nas tipologias T0 e T1 ativos em junho deste ano face a igual período de 2019. Já no Porto, a quebra foi de menos 1.158 apartamentos durante o mesmo período.

Aquisição de imóveis por não-residentes chegaram aos 13,3% do valor total transacionado

O Algarve ultrapassou Lisboa como a região que mais atraiu o investimento imobiliário por não-residentes, na maioria deles franceses e britânicos.
Comentários