Nuno Santos vai dirigir canal de TV da Federação Portuguesa de Futebol

Canal de televisão da FPF tem por objetivo chegar a quatro milhões de lares e poderá vir a concorrer no mercado dos direitos televisivos do futebol para Portugal.

O jornalista Nuno Santos vai ser o responsável pelo projeto “11”, plataforma de conteúdos que a Federação Portuguesa de Futebol (FPF) vai lançar em março de 2019 e que inclui um canal de televisão, apurou o Jornal Económico.
Nuno Santos trabalhou fora de Portugal nos últimos anos, na África do Sul e em Espanha, e é uma das personalidades mais relevantes do panorama audiovisual. Jornalista de formação, foi Director de Programas e de Informação da RTP e da SIC. Lançou a SIC Notícias. Nos últimos cinco anos liderou projectos de conteúdos fora de Portugal na Multichoice, a maior plataforma de TV de África e também em Espanha na StoryLab do Grupo Dentsu Aegis.
Como o “Jornal Económico” noticiou há algumas semanas, em exclusivo, esta plataforma e o seu canal de TV são uma aposta forte da FPF, que pretende criar um espaço relevante de promoção do futebol. O objetivo é colocar o enfoque no trabalho de jogadores, treinadores e de todos aqueles que são responsáveis pela criação de valor na modalidade.
Nuno Santos começará a trabalhar este verão na formatação dos conteúdos do canal e na constituição da equipa de jornalistas, que já conta com alguns profissionais contratados nos últimos meses.
O JE apurou que a FPF estima levar o futebol a quatro milhões de lares logo de início e ainda não tem custos definitivos para o projeto, sendo que este, não visando o lucro, terá de se equilibrar entre receitas e custos de forma a enquadrar-se naquilo que tem sido norma nos sete anos de presidência de Fernando Gomes: contas sempre positivas.
O canal “11” poderá futuramente concorrer no mercado dos direitos televisivos do futebol para Portugal, mas parece provável que venha a transmitir os compromissos das seleções (mais jovens, femininas, futsal e futebol praia) e competições organizadas pela FPF cujos direitos não sejam vendidos externamente.
Relacionadas

Exclusivo: Federação Portuguesa de Futebol lança canal de televisão

A face mais visível do projecto será um canal televisivo, com nome próprio, destinado a promover o futebol e a combater o clima bélico-televisivo gerado pela discussão dos casos de arbitragem 
Recomendadas

E-toupeira: Leitura da decisão adiada para 20 de dezembro

A decisão da juíza estava marcada para esta quinta-feira, 13 de dezembro, mas a sua leitura foi adiada para a próxima semana.

Bruno de Carvalho suspeito de tirar meio milhão de euros ao Sporting

Em causa estão duas transferências de dinheiro que saíram do clube um dia depois da destituição do ex-presidente do clube. Verbas terão sido usadas para pagar a duas construtoras.

“Cancelo e Bernardo Silva lideram o presente do futebol português”

O Observatório do Futebol incluiu João Cancelo e Bernardo Silva na lista dos vinte jogadores que mais valorizaram o seu valor de comercial desde que a época desportiva começou. Ao Jornal Económico, o analista Luís Cristóvão diz se o rendimento de ambos em campo corresponde à valorização divulgada.
Comentários