OPA à SAD: Benfica quer evitar alienações indesejadas ou descontroladas do capital

Além desta vontade, sabe o JE que o clube da Luz pretende também com esta OPA recuperar participações dispersas nas mãos de acionistas não estratégicos e ainda permitir aos ‘encarnados’ decidir uma eventual futura entrada de parceiros para potenciais sinergias para o grupo Benfica.

Cristina Bernardo

A Benfica SAD está determinada em evitar alienações indesejadas ou descontroladas relativamente ao capital da empresa que gere o futebol profissional, sendo este um dos três objetivos desta entidade na OPA à SAD dos ‘encarnados’, segundo apurou o “Jornal Económico”.

Além desta vontade, sabe o JE que o clube da Luz pretende também com esta OPA recuperar participações dispersas nas mãos de acionistas não estratégicos e ainda permitir aos ‘encarnados’ decidir uma eventual futura entrada de parceiros para potenciais sinergias para o grupo Benfica.

Em termos estratégicos, esta operação poderá também permitir ao Benfica aumentar a contribuição dos resultados da SAD num perímetro de consolidaçã do clube.

Sabe também o JE que outra das razões que levaram o clube a avançar com esta OPA à Benfica SAD passam pelo facto de existir uma maior capacidade financeira do clube e também pela possibilidade do Benfica decidir o que irá fazer com 27% da atual estrutura acionista.

Relativamente ao preço da OPA (5 euros por ação), e de acordo com o que foi possível apurar pelo JE, este valor é encarado como atrativo para os atuais detentores de ações na Benfica SAD, sendo que, outro dos motivos, passa por não prejudicar os atuais 24 mil acionistas fundadores face ao investimento realizado no clube.

Relacionadas

SAD do Benfica considera OPA “oportuna” e “a contrapartida é justificada”

Em comunicado divulgado da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a SAD do Benfica diz que “a Benfica SAD que a Oferta, nos moldes em que lhe foi apresentada, é oportuna e a contrapartida é justificada, reunindo as condições adequadas à sua aceitação por parte dos seus destinatários.

OPA à SAD do Benfica “garante pé-de-meia a quem está nos órgãos sociais”

Luís Miguel Henrique refletiu sobre a OPA da Benfica SGPS à Benfica SAD. “Folga financeira alivia os cofres de alguns sócios fundadores da SAD”, realçou o comentador.

OPA à SAD do Benfica: “Abertura da maioria de capital das SAD ainda é tabu em Portugal”

No programa ‘Mercados em Ação’, que será transmitido esta terça-feira a partir das 17h00, o economista Luís Tavares Bravo analisa ainda que este processo representa “um claro distanciamento relativamente às ligas mais poderosas da Europa e no que diz respeito às fontes de financiamento dos clubes portugueses”.
Recomendadas

Mourinho explica porque viveu em hotel em Manchester: “Não queria lavar a roupa e não sei engomar”

“Tinha que lavar a roupa, e eu não quero. Não sei engomar. Tinha de cozinhar e depois as minhas refeições seriam sempre ovos mexidos com bacon porque é a única coisa que sei fazer”, disse o treinador português antes do embate entre o Tottenham e o seu antigo clube, o Manchester United.

Marcelo Rebelo de Sousa diz que é lógico condecorar Jorge Jesus

“Já verifiquei que todos os outros treinadores [José Mourinho e Manuel José] que venceram competições comparáveis àquela que venceu Jorge Jesus, todos foram condecorados, portanto é lógico que Jorge Jesus venha a ser também condecorado”, referiu o Presidente.

Lionel Messi vence a bola de ouro pela sexta vez

Eleito por seis vezes o melhor jogador do mundo, o argentino leva vantagem no confronto direto com o português e capital da seleção nacional, Cristiano Ronaldo.
Comentários