Orçamento de Natal: Não perca as contas às compras

São muitos os consumidores que na azáfama das compras acabam por perder a perceção ao que efetivamente podem gastar, só percebendo mais tarde, do verdadeiro impacto destes gastos no orçamento familiar.

Cristina Bernardo

Quando falamos em Natal uma das primeiras ideias que associamos a esta época é a necessidade de comprar presentes e de preparar as comemorações. Embora este ano o sentimento geral seja diferente, por vezes, embebidos pelo espírito natalício mas, também pelo facto de possuímos um rendimento extra, o subsídio de natal que aparentemente traz um novo folgo ao orçamento familiar, somos levados a fazer estas despesas sem qualquer planeamento.

São muitos os consumidores que na azáfama das compras acabam por perder a perceção ao que efetivamente podem gastar, só percebendo mais tarde, do verdadeiro impacto destes gastos no orçamento familiar.

Ano novo sem desequilíbrios

Para que o ano novo não chegue com desequilíbrios na sua vida financeira, o principal passo será realizar um orçamento referente a época festiva. Assim como faz o orçamento mensal em que identifica os rendimentos e despesas, também o deverá fazer no que respeita aos gastos associados a quadra festiva. Poderá para tal utilizar uma folha de papel, uma folha de Excel ou até uma aplicação no telemóvel, utilize o que mais se adapta a sua realidade e necessidades.

O orçamento para o Natal permitirá que planifique, economize e rentabilize as suas despesas.

Defina o quanto vai gastar

Defina de acordo com o rendimento disponível o montante total que pretende gastar nesta época natalícia, posteriormente subdividindo este montante total pelas diferentes despesas (como alimentação, decoração, presentes, etc)

Com o orçamento elaborado comece a planear como e onde poderá economizar.

Com os presentes

Antes de comprar deverá elaborar uma lista, onde identifica a quem vai oferecer presentes e o valor a ser despendido com cada um. Aproveite os saldos para comprar alguns dos presentes.

Não se esqueça compare preços. Compre com antecedência o que for possível. Não compre por impulso nem a última da hora, pois poderá gastar mais do que definiu inicialmente.

Para uma época de festividades equilibrada planifique com antecedência especialmente os gastos e siga à risca o definido no orçamento de forma a promover uma gestão financeira consciente e adaptada aos seus rendimentos.

Lembre-se: para um Natal sem derrapagens financeiras, é importante ser planeado!

Informe-se connosco e conte com o nosso apoio: GASDECO: contactos telefónicos:  213 710 238 /  22 339 19  ou email: gas@deco.pt ou gas.norte@deco.pt. É também possível agendar atendimento via skype. Siga-nos nas páginas de Facebook, Twitter, Instagram e Linkedin.

 

Ler mais
Recomendadas

Quer comprar casa? Conheça todos os impostos que terá de pagar

Existem alguns impostos na compra de imóvel que são obrigatórios. Veja como calculá-los e descubra se pode beneficiar de isenção no pagamento destes.

Direito a férias: descubra tudo o que precisa de saber neste guia

Confira a quantos dias tem direito e quais as regras para marcação e acumulação de férias.

Abono de família: quem tem direito e quais os valores?

Conhece os critérios avaliados para a obtenção do abono de família? Saiba aqui se tem direito a este apoio, como pode recebê-lo e qual o montante.
Comentários