Países da União Europeia concordam em permitir entrada de turistas israelitas

A reabertura para turistas israelenses acontece num momento em que a UE está a tentar amenizar as restrições em torno de viagens não essenciais de países estrangeiros.

Israel foi acrescentado à lista de países da União Europeia (UE) em que os cidadãos vão ter permissão para viajar por lazer, segundo a “Reuters” desta quinta-feira, 6 de maio.

A reabertura para turistas israelitas acontece num momento em que a UE está a tentar amenizar as restrições em torno de viagens não essenciais de países estrangeiros, existindo apenas exceções que incluem a Nova Zelândia e a Austrália.

Os países da UE tem movido esforços no sentido de recuperar a economia dos estados-membros do bloco, mas também de relançar o turismo. As esperanças estão depositadas no sistema de certificação de vacina que a UE espera ter totalmente operacional a 30 de junho.

A legislação pode não estar completamente finalizada até junho, o que significa que a implementação ainda poderá ser adiada. Os Estados-membros vão ter que desenvolver as suas próprias aplicações nacionais, tanto para utilizadores quanto para autoridades verificadoras de certificados, com base em normas técnicas definidas por especialistas dos países do bloco. Apesar das possíveis diferenças será permitido que os certificados sejam verificados em diferentes países.

Relacionadas

União Europeia quer certificados de vacinação operacionais já a 30 de junho

A legislação pode não estar completamente finalizada até junho, o que significa que a implementação ainda poderá ser adiada.

Bruxelas prevê “recuperação forte” da economia portuguesa a partir de julho

Ainda assim, “à medida que a campanha de vacinação avança e uma vez que é possível aliviar e levantar gradualmente as medidas restritivas, podemos esperar uma recuperação bastante forte da economia [portuguesa] no segundo semestre do ano”, acrescenta o responsável pela pasta de “Uma economia ao serviço das pessoas”.

Itália e G20 trabalham para a recuperação do turismo

Até 15 de maio, os turistas provenientes da União Europeia devem observar uma quarentena de cinco dias em Itália e os provenientes de outros países terão uma quarentena de 10 dias.
Recomendadas

Quer ser reembolsado pelos pagamentos que faz com o telemóvel? Há uma fintech que dá 10%

A aplicação financeira Lydia está a oferecer ‘cashback’ em todas as compras durante o mês de junho para impulsionar os pagamentos digitais em Portugal.

Já pode investir na criptomoeda Dogecoin com a aplicação da Revolut

A fintech britânica tem 30 criptomoedas disponíveis para investimento. Curiosamente, a cara que está nesta moeda virtual – ou seja, o focinho de cão – foi esta sexta-feira vendida como NFT por 4 milhões de dólares.

Como escolher oportunidades de investimento imobiliário? Veja o “Economize”, programa de finanças pessoais

Acompanhe o programa “Economize” na plataforma multimédia JE TV, através do site e das redes sociais do Jornal Económico.
Comentários