Parceria aproxima Universidade de Coimbra e The Loop Co.

A mais antiga universidade portuguesa e a jovem greentech reforçaram laços tendo como meta um futuro mais sustentável.

Edifício da Universidade de Coimbra

A mais antiga universidade portuguesa e a jovem greentech reforçaram laços tendo como meta um futuro mais sustentável. “A parceria da The Loop Co. com a Universidade de Coimbra pretende contribuir para que a economia circular passe de alternativa a primeira opção”, afirma Manuel Tovar, cofundador da startup ao JE Universidades.

O protocolo agora assinado tem como objetivos a colaboração das duas instituições em projetos de investigação, teses e estágios, a criação de um centro de competências em economia circular e a aceleração de projetos de estudantes e investigadores nesta área.

A The Loop Co., empresa da economia circular responsável por plataformas de compra e venda de bens em segunda mão com garantias de qualidade, nasceu em Coimbra em 2017 e despertou a atenção com o primeiro projeto, Book in Loop, destinado à compra e vendas de manuais escolares em segunda mão. Em 2020, iniciou a sua atividade em Espanha e prepara-se para lançar o primeiro centro de logística inversa e Economia Circular da Península Ibérica, no distrito da Guarda, com o objetivo de recuperar e distribuir bens em segunda mão em maior escala.

A relação da The Loop Co. com a Universidade de Coimbra é antiga e muito do talento da empresa vem de lá, mas este novo passo acrescenta-lhe significado. “Ao assinarmos este protocolo, assumimos uma estrutura institucional, de forma a permitirmos que ambas as instituições evoluam nas áreas de sustentabilidade, tecnologia, investigação e desenvolvimento”, explica Manuel Tovar. Neste centro de competências conjunto, adianta, “são priorizados âmbitos como a digitalização e a sustentabilidade, que serão determinantes para o futuro e sobre os quais o trabalho irá assentar”. Em breve será lançada a primeira iniciativa fruto da parceria.

Recomendadas

Politécnico de Castelo Branco leva digitalização à floresta

Parceria entre o politécnico albicastrense e a empresa Cutplant, fabricante de maquinaria da marca Vicort, lança projeto tecnológico aplicado à floresta. Tem a duração de 31 meses, conta com um investimento de 1,608 milhões de euros e envolve o INESC-TEC, a FEUP e a UTAD. Objetivo? Desenvolver produtos mais evoluídos que permitam à empresa da Sertã marcar posição no mercado.

UTAD dá primeiro passo para o curso de Medicina

A Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro assinou um protocolo com o Centro Hospitalar para a criação de um Centro Académico Clínico. Na forja está o curso de Medicina. O ministro do Ensino Superior garante apoio ao projeto.

ISEG Executive Education reforça equipa

Joana Santos Silva é a nova Directora de Inovação do ISEG Executive Education, onde vai apoiar o desenvolvimento de novas ofertas e soluções para empresas e programas de inscrição aberta.
Comentários