Partidos gastam quase 5 milhões de euros com as eleições europeias

Trata-se de um aumento de mais de 500 mil euros face aos 16 partidos e coligações que se apresentaram na corrida em 2014

Os 17 partidos e coligações que concorrem às próximas eleições europeias vão gastar, em média, 292 mil euros cada um. A despesa total deve chegar aos 4,967 milhões de euros, revela o “Público”.

Trata-se de um aumento de mais de 500 mil euros face aos 16 partidos e coligações que se apresentaram na corrida em 2014, explica o diário na edição desta terça-feira (23 de abril), depois de ter feito as contas aos orçamentos partidários.

PS (1,250 milhões), PSD (890 mil euros) e CDU (850 mil euros) lideram a tabela de gastos, enquanto o Partido Nacional Renovador (1.800 euros) e o Partido Trabalhista Português (1.000 euros) são os mais poupados.

A análise aos orçamentos, que já foram entregues à Entidade das Contas e Financiamentos Políticos, permitiu ainda perceber ainda que, por exemplo, o PAN e o PS reforçaram as despesas face à anterior ida às urnas, e que o PCTP/MRPP e o Livre reduziram-no.

 

Recomendadas

Marcelo evoca “personalidade singular” de Alexandre Soares dos Santos

Alexandre Soares dos Santos era o dono e presidente da Jerónimo Martins que tem as cadeias de supermercados Pingo Doce e a Biedronka na Polónia. A família é uma das mais ricas do país e o empresário foi eleito várias vezes pela Forbes o mais rico do país.

Sem Antram nem fim à vista. Sindicato e Governo reunidos há seis horas

O SNMMP ainda está reunido com o Governo no Ministério das Infraestruturas. Encontro, sem a presença da Antram, já dura há mais de seis horas.

António Costa: “Rui Rio optou por estar de férias. Desejo que continue a gozar desse período”

Questionado sobre as acusações de Rui Rio ao Governo, António Costa preferiu não proferir qualquer comentário sobre as palavras do líder do PSD conhecidas esta sexta-feira à tarde. O primeiro-ministro realçou que “Rui Rio optou por estar de férias” e desejou que o líder do PSD “continue a gozar desse período”.
Comentários