Partidos gastam quase 5 milhões de euros com as eleições europeias

Trata-se de um aumento de mais de 500 mil euros face aos 16 partidos e coligações que se apresentaram na corrida em 2014

Os 17 partidos e coligações que concorrem às próximas eleições europeias vão gastar, em média, 292 mil euros cada um. A despesa total deve chegar aos 4,967 milhões de euros, revela o “Público”.

Trata-se de um aumento de mais de 500 mil euros face aos 16 partidos e coligações que se apresentaram na corrida em 2014, explica o diário na edição desta terça-feira (23 de abril), depois de ter feito as contas aos orçamentos partidários.

PS (1,250 milhões), PSD (890 mil euros) e CDU (850 mil euros) lideram a tabela de gastos, enquanto o Partido Nacional Renovador (1.800 euros) e o Partido Trabalhista Português (1.000 euros) são os mais poupados.

A análise aos orçamentos, que já foram entregues à Entidade das Contas e Financiamentos Políticos, permitiu ainda perceber ainda que, por exemplo, o PAN e o PS reforçaram as despesas face à anterior ida às urnas, e que o PCTP/MRPP e o Livre reduziram-no.

 

Recomendadas

Presidente da República quer CPLP com posição comum sobre oceanos

Marcelo Rebelo de Sousa defendeu que os países da CPLP devem alinhar posições sobre os oceanos antes da conferência da ONU dedicada ao tema, que terá lugar em Lisboa no próximo ano.

Fernando Medina diz que UE precisa de “reparar” união económica e monetária

O presidente da Câmara de Lisboa considerou hoje que o grande desafio, nos próximos anos, a nível europeu, é haver um entendimento sobre como “reparar” a União Económica e Monetária, uma questão por resolver dez anos após a crise.

Bancos dão ordem para executar totalidade da Coleção Berardo

CGD, BCP e Novo Banco deram à execução penhores sobre 100% dos títulos de participação dados como garantia de créditos de mais de 900 milhões.
Comentários