Pinto Ribeiro assessora Blueotter na compra da Egeo Circular

O grupo empresarial português Blueotter comprou 100% do capital da participada da Egeo Tecnologia E Ambiente ligada à recolha e tratamento de resíduos não perigosos.

O grupo empresarial português Blueotter, que presta serviços de valorização e tratamento de resíduos não perigosos, contou com a assessoria jurídica da sociedade Pinto Ribeiro Advogados na operação de aquisição de 100% do capital da Egeo Circular, participada da Egeo – Tecnologia E Ambiente, S.A.

O escritório assessorou o comprador na preparação da documentação contratual e na auditoria legal a essa área de recolha e tratamento de resíduos não perigosos, serviços públicos urbanos e serviços de saneamento.

Os advogados da Pinto Ribeiro envolvidos no aconselhamento legal à Blueotter foram Susana Enes, João Antunes, Helena Carreiras (Corporate e M&A), André Miranda, Hugo Baptista Rodrigues (Público e Regulatório) e Marcos Sousa Guedes (Financeiro).

A Egeo Circular tem vendas anuais de cerca de 35 milhões de euros e mais de 500 trabalhadores, mas os valores do negócio não foram tornados públicos.

Recomendadas

Martim Menezes é novo sócio da Abreu

Advogado saiu da CCA para reforçar Contencioso e Comercial do escritório liderado por Duarte d’Athayde.

PremiumOptimal prevê mais operações após negócio da Frulact

Sociedade detida por José Maria Ricciardi, Jorge Tomé e Paulo Tenente assessorou o fundo Ardian na compra da Frulact. ‘Managing partner’ está otimista quanto à atividade em 2020 nas fusões e aquisições, e não só.

Mazars com crescimento de 10,4% do volume de negócios

Em Portugal, a Mazars registou um desempenho positivo em 2018/2019. No horizonte 2020 perspetiva-se que a conjugação do crescimento orgânico com operações de crescimento externo permita um crescimento a dois dígitos, acrescenta a empresa internacional de auditoria e consultoria.
Comentários