Portugal 2020 tem mais 7,3 mil milhões de euros para a economia nacional

À rádio TSF o ministro do Planeamento e Infraestruturas, Pedro Marques, disse que o montante será aplicado na expansão dos metros de Lisboa e do Porto, requalificação da Linha de Cascais, mobilidade no Mondego e outras obras.

O programa de financiamento conhecido como “Portugal 2020″ terá um reforço de mais 7,3 mil milhões de euros de investimento do que estava inicialmente previsto, noticia esta sexta-feira ”TSF”.

O Governo anuncia esta sexta-feira a reprogramação dos fundos comunitários e, segundo os números a que a rádio teve acesso, antecipam-se mais 5 mil milhões para as empresas (com destaque para a inovação e internacionalização), 1,7 mil milhões dos quais para empresas do Interior.

Prevêem-se também mais mil milhões para melhorar as qualificações dos portugueses e 1,3 mil milhões para investimentos em equipamentos e infraestruturas de serviços básicos (peducação, saúde, apoio social ou património cultural, etc.) e mobilidade sustentável.

À mesma emissora, o ministro do Planeamento e Infraestruturas, Pedro Marques, disse que o montante será aplicado na expansão dos metros de Lisboa e do Porto, requalificação da Linha de Cascais, mobilidade no Mondego e outras obras.

 

Relacionadas

Sete comissários europeus de visita a Lisboa nos próximos dias

O congresso do Partido Socialista Europeu chama a Lisboa uma série de comissários, mas também altos dirigentes da família socialista de países europeus.

Comércio garante 36 milhões de postos de trabalho na União Europeia

Dois novos estudos publicados, nesta terça-feira, 27 de Novembro, pela Comissão Europeia revelam a importância crescente das exportações da UE para as oportunidades de emprego dentro e fora da Europa.
Recomendadas

Hotéis do Porto queixam-se da taxa turística

Ao longo deste primeiro ano de taxa turística no Porto, registou-se uma ligeira deslocação do mercado de grupos para fora da cidade, que optou por hotéis em municípios onde esta taxa não existe, em detrimento de hotéis do Porto, denuncia o presidente da Associação Portuguesa de Hotelaria, Restauração e Turismo.

Brexit leva companhia aérea Flybmi à falência

É a nova falência provocada pelo Brexit. A Flybmi transportou 522.000 passageiros em 29.000 voos no ano passado em “codeshare” (parceria) com parceiros europeus, incluindo a Lufthansa, Turkish Airlines e Air France.

Comércio digital cresce mesmo sem tecnologia futurista

Os empresários contactados pelo Jornal Económico, que desenvolvem plataformas de comércio eletrónico, vendem ‘online’ ou estão ligados à indústria logística, defendem que os novos sistemas de pagamento têm facilitado a evolução deste mercado.
Comentários