Portugal joga hoje final da Liga das Nações com a Holanda

Portugal procura hoje conquistar a primeira edição da Liga das Nações de futebol na final frente à Holanda, num encontro em que joga em casa, no Porto, e teve direito a mais um dia de descanso.

Foto: Francisco Paraiso/FPF
Cristiano Ronaldo

Nas meias-finais, na quarta-feira, a seleção portuguesa bateu a Suíça, por 3-1, com um ‘hat-trick’ de Cristiano Ronaldo, enquanto no dia seguinte, a Holanda venceu a Inglaterra, por igual resultado, mas após prolongamento.
Além da estar fisicamente mais fresco, Portugal tem o estatuto de campeão europeu e vai atuar perante o seu público, no Estádio do Dragão, embora tenha uma baixa de peso.

O defesa central Pepe lesionou-se frente aos helvéticos e vai falhar a final, tendo mesmo sido dispensado do estágio da seleção nacional.

Com Pepe ausente, José Fonte deverá fazer dupla com Rúben Dias no centro da defesa, naquela que poderá ser a única alteração de Fernando Santos no ‘onze’ inicial.

Esta é a terceira final da história da seleção portuguesa, depois do desaire com a Grécia (1-0) no Europeu de 2004 e da vitória com a França (1-0 após prolongamento) no Europeu de 2016.

Portugal sofreu uma pesada derrota (3-0) na última vez que encontrou a Holanda, num particular de preparação para o Mundial2018, mas tem um registo bem positivo em jogos oficiais.

Ao todo, Portugal venceu sete de 13 embates, empatou quatro e perdeu dois, mas sobressaiu sempre vitorioso nos três jogos, dramáticos, em fases finais de grandes competições internacionais.

Foi assim no Euro2004, em Alvalade (2-1), no Mundial2006 (1-0), no desafio mais ‘indisciplinado’ da história da competição, com quatro expulsões, duas para cada lado, e no Euro2012 (2-1).

A Holanda tem sido um dos ‘alvos’ favoritos de Cristiano Ronaldo, tendo assinado quatro golos frente à ‘laranja mecânica’, um dos deles determinante, nas meias-finais do Euro2004.

Por seu lado, a Holanda está a demonstrar na Liga das Nações que superou a ‘crise’ e está de regresso aos grandes palcos, após ter falhado as fases finais de Euro2016 e Mundial2018.

Depois de ter eliminado na fase de grupos Alemanha e França, os dois últimos campeões mundiais, os holandeses, comandados pelo técnico Ronald Koeman, que em tempos treinou o Benfica, ultrapassaram em Guimarães a Inglaterra, com justiça, embora tenham necessitado do prolongamento.

A final está agendada para as 19:45 e vai ter arbitragem do espanhol Undiano Mallenco.

Ler mais
Recomendadas

FIFA promete banir clubes ou jogadores que disputem futura Superliga Europeia

“Qualquer clube ou jogador envolvido em tal competição não poderia, portanto, participar de nenhuma competição organizada pela FIFA ou das respetivas confederações”, pode ler-se em comunicado conjunto da FIFA e confederações

Proposta do PAN para impedir deputados de ter cargos em clubes ou federações gera dúvidas no Parlamento

Projeto de lei do PAN que visa impedir os deputados de ter cargos em clubes ou federações desportivas profissionais foi debatido no Parlamento, na quarta-feira. A proposta devia ter sido votada, mas os restantes partidos levantaram dúvidas. Projeto baixou novamente à comissão para reapreciação.

Marisa Matias recorre ao futebol para falar sobre o racismo em Portugal

Apesar de terem sido referidos durante o evento, nem Ricardo Quaresma ou Éder Lopes têm demonstrado apoio a qualquer um dos candidatos presidenciais. A candidata também mencionou o nome de Eusébio durante o evento onde abordou temas raciais.
Comentários