Portugal tem 117 mil milionários. Em 2024, esse número vai crescer 49%

O relatório do Credit Suisse prevê que globalmente surjam 16 milhões de novos milionários até 2024, com uma perspetiva global de 62 milhões de milionários a nível global, verificando-se um aumento de 34% entre 2019 e 2024.

O Credit Suisse publicou esta segunda-feira, 21 de outubro, o Relatório de Riqueza Global em 2019. O maior número de milionários continua a verificar-se nos Estados Unidos da América, com um total de 18.614 milhões de indivíduos com uma conta bancária generosa.

Em Portugal, por sua vez, verifica-se a existência de 117 mil milionários, segundo o quadro do Credit Suisse. Portugal encontra-se na 22ª posição da lista de países com mais milionários, apenas acima de Israel, que conta com 131 mil milionários.

Com a perspetiva já para 2024, ou seja, daqui a cinco anos, Portugal deverá ver o número de fortunas generosas crescer para 174 mil milionários. Esta diferença de 57 mil milionários representa um aumento de 49% no número de pessoas com uma fortuna igual ou superior a um milhão de euros, sendo um valor superior à média a nível global.

“Entre as economias desenvolvidas, o número de milionários na Alemanha, França, Itália e Suécia deverá subir em linha com a média mundial. O Canadá e Espanha também deverão crescer um pouco acima da média, e o Japão e Portugal serão muito melhores que a média”, lê-se no relatório da entidade bancária.

O relatório do Credit Suisse prevê que globalmente surjam 16 milhões de novos milionários até 2024, com uma perspetiva global de 62 milhões de milionários a nível global, verificando-se um aumento de 34% entre 2019 e 2024. O relatório demonstra ainda que existe o triplo de milionários desde 2000, sendo que 45% da riqueza mundial é controlada por 1% dos mais ricos do mundo.

O Relatório de Riqueza Global aponta que a Polónia seja o país que vai apresentar um maior aumento de riqueza, em 74%, passando para 202 mil milionários, enquanto o Japão fica em segundo lugar com um aumento de 71% para 5.161 milhões de milionários.

Já na separação por regiões do globo, verifica-se que o número de milionários vai aumentar mais na Índia, com um crescimento de 56% para 1.186 milhões de milionários. Em segundo lugar fica a China, com um aumento de 55% em 2024 face a 2019, para 6.874 milhões de euros.

Segue-lhe a Ásia do Pacífico que, em 2024, vê o número de milionários aumentar para 11.054 milhões, um valor que acresce em 47%. África entra para o quarto lugar de maior crescimento, com 37% para 234 mil milionários. A Europa fica a meio da tabela, com um aumento de 35% para 17.892 milhões de fortunas superiores a um milhão de euros.

A América Latina fica em sexta lugar com um aumento de 27% face a 2019, verificando-se a existência de 855 mil milionários. A América do Norte surge em último lugar da lista, com um crescimento de 24% face a 2019 para 24.814 milhões de milionários no território.

Ler mais

Recomendadas

“Temos que voltar às reformas estruturais”, defende Álvaro Santos Pereira

O diretor do Departamento de Estudos da OCDE defende também que os bancos devem continuar a reduzir o crédito malparado. “Quando os bancos não estão de boa saúde, a economia não pode estar de boa saúde”, afirmou.

Empresas privadas aumentaram endividamento em 1,7 mil milhões

“O aumento do endividamento do setor privado resultou, sobretudo, do incremento do endividamento das empresas privadas face ao exterior, na ordem dos 1,5 mil milhões de euros”, avança o Banco de Portugal.

Financiamento do Estado diminuiu para -1,3 mil milhões de euros até setembro

Banco de Portugal explica que o financiamento através de empréstimos líquidos de depósitos foi de -2,7 mil milhões de euros, “valor que compensou o financiamento através de títulos de 1,3 mil milhões de euros”, até setembro.
Comentários