Prata Riverside Village vence prémio de melhor empreendimento imobiliário de habitação

O projeto da responsabilidade da VIC Properties foi eleito no âmbito dos prémios do Salão Imobiliário de Lisboa (SIL) 2019, atribuído pela Fundação AIP e pelo conselho estratégico do SIL.

O Prata Riverside Village conquistou esta quinta-feira o prémio de melhor empreendimento imobiliário na categoria de habitação. O galardão foi atribuído no Salão Imobiliário de Lisboa (SIL) 2019. A distinção do projeto da responsabilidade da VIC Properties, desenhado pelo arquiteto Renzo Piano, foi atribuído pela Fundação AIP e pelo conselho estratégico do SIL. O evento decorre entre os dias 10 e 13 de outubro, na Feira Internacional de Lisboa (FIL), na zona do Parque das Nações.

O Prata Riverside Village é um empreendimento que engloba 12 lotes, que irão ter espaços residenciais, comércio, escritórios e outros equipamentos variados. Depois da conclusão do lote 8, o primeiro a ser construído, a VIC Properties irá terminar até julho de 2020 o lote 7 e iniciar a construção do lote 1 ainda este ano. Este empreendimento conta com cerca de 128 mil m2 de área de construção, dos quais mais de 102 mil m2 são dedicados à habitação, e deverá ficar concluído em 2023.

Além do espaço residencial, o Prata Riverside Village estará equipado com lojas, restaurantes, galerias, pistas de bicicleta e parques infantis capazes de servir não só a comunidade de residentes, mas também atrair visitantes de outros bairros lisboetas.

João Cabaça, CEO da VIC Properties, afirma que “é com grande satisfação que vemos o Prata Riverside Village receber a distinção de melhor empreendimento imobiliário, reconhecimento de qualidade e da inovação daquele que é o primeiro grande ‘projeto de autor’ em Lisboa, desenhado para explorar ao máximo uma relação ímpar com o rio e com a zona verde envolvente”.

Relacionadas

VIC Properties prepara entrada na bolsa de Lisboa em 2020

A informação foi confirmada pelo CEO da empresa imobiliária João Cabaça. Um cenário que já se avizinhava depois de em abril o grupo ter concluído com sucesso a emissão de 250 milhões de euros em obrigações convertíveis garantidas.

Investimento de 400 milhões no projeto Prata Riverside

Espaço residencial situado em Marvila demorou 12 anos a ser aprovado. A fasquia está virada para portugueses e os preços das tipologias comercializadas vão dos 400 mil até mais de um milhão euros.

VIC Properties compra terrenos da Matinha para construir mais de duas mil habitações

Com uma área de aproximadamente 20 hectares, num total de 260 mil metros quadrados previstos de área de construção, a empresa prevê que as obras sejam iniciadas no início de 2020, e os trabalhos realizados ao longo dos anos seguintes.
Recomendadas

PremiumHostmaker: “Se matarem o alojamento local vão ter que o reativar”

David Costa, executivo da empresa em Lisboa, critica as medidas que o Estado pretende introduzir no setor no Orçamento do Estado para 2020: “O alojamento local tem custos bastante superiores ao alojamento tradicional”.

ASAE instaura 327 processos a estabelecimentos de Alojamento Local e empreendimentos turísticos

A falta de afixação da placa identificativa do alojamento local ou da classificação do empreendimento turístico e a oferta de serviços de AL por parte de estabelecimentos sem registo ou com registo desatualizado estão entre as principais infrações contraordenacionais detetadas.

Mercado de escritórios em Lisboa encerra 2019 com quebra de 6%

No último mês do ano, a ocupação de escritórios em Lisboa atingiu os 22.008 mil m2, num crescimento de 87% face ao mês anterior e de 44% em relação ao período homólogo, segundo o Office Flashpoint da consultora JLL.
Comentários