Preço médio do alojamento familiar subiu 4% na Madeira

No Funchal o alojamento familiar atingiu os 1.558 euros por metro quadrado.

Aluguer de casas de luxo

O preço médio do alojamento familiar na Madeira subiu 4%, no segundo trimestre, em termos homólogos, para os 1.205 euros por metro quadrado, diz a Direção Regional de Estatística (DREM).

Em comparação com o trimestre anterior verificou-se uma valorização de 0,7% no alojamento familiar, na Madeira, refere o organismo de estatística regional.

Nos apartamentos verificou-se uma valorização de 21%, para os 1.341 euros por metro quadrado.

No Funchal atingiu-se um preço médio de 1.558 euros por metro quadrado, o 11º município com o preço mais elevado no país, e o único município da Madeira com o preço superior à média regional. Lisboa lidera com um preço médio de 3.154 euros por metro quadrado.

Relacionadas

Habitações licenciadas em Portugal cresceram 8,6% até agosto

O número de habitações em construções novas licenciadas nos primeiros oito meses de 2019 foi de 15.318, o que traduz um aumento de 15,3%, em termos homólogos.

Taxas Euribor caem a três, a seis e a 12 meses

A taxa Euribor a seis meses, a mais utilizada em Portugal nos créditos à habitação, desceu hoje para -0,348%, menos 0,011 pontos e contra o atual mínimo de sempre, de -0,448%, verificado em 3 de setembro.

Adquirir casa com crédito à habitação caiu mais de 50% nos últimos 15 anos

As vendas de casas não diminuíram apesar das dificuldades no crédito. Ao mesmo tempo, os juros baixos praticados nas aplicações financeiras e investimentos empurram os investidores para o mercado imobiliário.

Finanças de ‘A a Z’

Da abertura de posição ao valor venal: alguns conceitos-chave financeiros disponibilizados pelo Plano Nacional de Formação Financeira.
Recomendadas

Albuquerque confirma ciclo de diálogo após PS ter deixado de “tentar prejudicar” Madeira

O governante destacou que já se registaram avanços no Orçamento do Estado para 2020 em matéria da clarificação do financiamento do novo hospital da Madeira e da introdução de uma taxa variável que permitiu a redução de sete milhões de euros por ano no serviço da dívida da região.

Albuquerque garante que governo PSD/CDS vai cumprir legislatura até ao fim

Para Miguel Albuquerque, este primeiro período de governação conjunta tem “corrido muito bem”, porque o executivo, “acima dos interesses partidários, põe os da população que serve”.
Comentários