Produção industrial dá sinais de recuperação em maio na UE e zona euro, mas ainda regista quedas homólogas abruptas

Após dois meses de forte contração, devido aos efeitos da pandemia da Covid-19, a produção industrial esboça uma recuperação na Unirão Europeia e na zona euro no mês de maio, de acordo com os dados divulgados pelo Eurostat esta terça-feira, 14 de julho.

A produção industrial aumentou 12,4% na zona euro e 11,4% na União Europeia (UE), face a abril, Mas em comparação do mês de maio de 2019, o indicador da produção industrial regista um tombo de 20,9% na zona euro e 20,5% na UE.

Em Portugal, comparando maio com abril, o indicador subiu 2,3% – um valor muito distante dos níveis pré-Covid-19. Em comparação homóloga, a produção industrial caiu 26,1%.

Face a abril, as principais recuperações registaram-se em Itália (42,1%), França (20,0%) e Eslováquia (19,6%) e as maiores quebras na Irlanda (-9,8%), na Croácia (-3,5%) e na Finlândia (-1,3%).

Já em termos homólogos, os países que registaram maiores tombos foram a Eslováquia (-33,5%), a Hungria (-27,6%) e a Roménia (-27,4%), não tendo havido qualquer subida no indicador.

Recomendadas

PremiumQueda da população ativa pode impedir recuperação económica rápida

A taxa de desemprego desceu no segundo trimestre, mas o impacto da pandemia no turismo e o aumento da concorrência global na era do teletrabalho preocupam os especialistas consultados pelo JE.

Estigma com produtos da China e quebra de turistas deixam restaurantes chineses em crise

Os restaurantes chineses sofrem mais quebras no negócio do que os restaurantes nacionais devido ao estigma associado a produtos da China, país onde o novo coronavírus foi detetado pela primeira vez, e porque o turista asiático deixou de visitar Portugal.

Covid-19: Direção do consumidor emite quatro alertas no mesmo dia sobre máscaras

Quatro modelos de máscaras com insuficiente retenção de partículas no material filtrante foram na semana passada, num só dia, motivo de alertas da Direção-geral do Consumidor (DGC) e sistema europeu de alerta rápido para produtos não alimentares (Rapex).
Comentários