Produtividade em debate na SEDES. Assista à conversa com o economista Fernando Alexandre

Sessão de ‘fim de tarde na SEDES com quem sabe’, será uma conversa com Fernando Alexandre sobre “Produtividade”.

Relacionadas
Fernando Alexandre

Fernando Alexandre: “Vamos precisar de excedentes durante muitos anos para pagarmos a dívida”

O economista considera que num contexto de desaceleração da economia mundial, o cenário macroeconómico traçado no Orçamento do Estado para 2020 “é cauteloso” e “protege a economia portuguesa”.
Fernando Alexandre

Fernando Alexandre: “O país não tem solução sem imigração”

O economista explicou que entre 2010 e 2018 a população portuguesa diminuiu 3%, com o envelhecimento a colocar vários desafios à economia portuguesa.
Fernando Alexandre

Fernando Alexandre: “Não há nada que represente mais a debilidade das instituições portuguesas do que o valor da dívida”

O economista defendeu que o elevado endividamento de uma economia reflete problemas de gestão e governação pública e privada, “o insuficiente conhecimento” de vantagens competitivas ou “da incapacidade de antecipar” riscos e falta de visão a longo prazo.
Fernando Alexandre

Fernando Alexandre: “Por hora, um belga gera o dobro do valor que um português em Portugal”

Numa conferência sobre produtividade, organizada pela SEDES – Associação Portuguesa para o Desenvolvimento Social, o economista explicou que “um português produz por hora de trabalho 65% do que produz um europeu médio”.
Recomendadas

Luís Todo Bom: “Se tenho escrito este livro há mais anos, tinha adivinhado o desmoronamento do GES”

Luís Todo Bom, primeiro presidente da PT e atual CEO da Angopartners, foi o convidado da última edição do programa “Primeira Pessoa”, da plataforma JE TV. “Se somarmos a complexidade da família com a complexidade dos negócios do grupo familiar e subtrairmos o modelo organizativo, daqui nós temos o risco estrutural”, referiu a propósito do GES.

“Primeira Pessoa”: “Portugal Telecom? Sinto uma enorme tristeza por essa empresa”

Luís Todo Bom, primeiro presidente da PT e atual CEO da Angopartners, foi o convidado da última edição do programa “Primeira Pessoa”, da plataforma JE TV. Sobre a PT, o gestor garante que houve um conjunto de aspetos que “não funcionaram. E houve várias cumplicidades. Os modelos de supervisão da PT não funcionaram. O modelo de gestão de risco não funcionou. O modelo de auditoria interna não funcionou”.

“Jogo Económico”: “Tema da justiça é uma nódoa no mandato de Luís Filipe Vieira”

Na última edição do programa “Jogo Económico”, da plataforma JE TV, o jornalista João Marcelino desvalorizou algumas das propostas dos candidatos à presidência do SL Benfica. No entanto, este comentador considerou que os casos judiciais de Luís Filipe Vieira são uma “nódoa” no mandato deste candidato.
Comentários