Programa Valorizar apoia 24 projetos no Ribatejo e Alentejo em 7 milhões de euros

O apoio abrange projetos nas áreas do autocaravanismo, turismo literário, praias fluviais, estações náuticas, enoturismo e recursos endógenos.

O Governo oficializou os apoios financeiros no âmbito do Programa Valorizar a 24 projetos localizados no Ribatejo e no Alentejo, num investimento superior a 6,8 milhões de euros.

Este segundo aviso do Programa Valorizar recebeu 352 candidaturas, num total de 100 milhões de euros de investimento e aprovou 85 candidaturas, totalizando 14 milhões de euros.

O apoio abrange projetos nas áreas do autocaravanismo, turismo literário, praias fluviais, estações náuticas, enoturismo e recursos endógenos e resultam num incentivo de aproximadamente 4,3 milhões de euros, de acordo com a nota oficial divulgada esta terça-feira.

Analisando a lista de projetos, estão incluídos oito da rede de turismo literário do Alentejo que somam um investimento total de dois milhões de euros e um financiamento de 1,3 milhões de euros. Já os quatro novos projetos da região do Alentejo dedicados à rede das Áreas de Serviço de Autocaravanas (ASA) registaram um investimento de 650 mil euros e um financiamento de 365 mil euros.

Esta iniciativa destaca ainda o projeto dedicado à valorização, promoção e projeção do património nacional e internacional da tapeçaria de Portalegre, com a implementação do plano estratégico contemplando a dimensão académica, artística, patrimonial e comercial das Tapeçarias. Este projeto desenvolvido pela Câmara Municipal de Portalegre tem um investimento de 420 mil euros e um apoio de 294 mil euros.

Assinala-se ainda o projeto integrado Casa Museu/Prémio Literário/Bolsa de Investigação – Ruy Belo, em Rio Maior, envolvendo um investimento de 525 mil euros e um incentivo de 300 mil euros.

Criado em 2016, o Programa Valorizar, dinamizado pelo Turismo de Portugal, IP, já financiou até ao momento mais de 700 projetos, envolvendo um investimento de 155 milhões de euros e um incentivo de superior a 100 milhões de euros.

Ler mais

Recomendadas

Topo da agenda: o que não pode perder na economia e nos mercados esta semana

A semana será marcada pela discussão e votação na generalidade do Orçamento do Estado para 2021. Os analistas e investidores estarão ainda atentos à reunião do Banco Central Europeu e aos sinais que chegam sobre a economia, através da publicação da estimativa rápida do PIB da zona euro, do terceiro trimestre.
Vasco Cordeiro com Carlos César

Vasco Cordeiro diz que o PS teve “vitória clara e inequívoca” nos Açores

Líder do PS-Açores, que procura o terceiro mandato enquanto presidente do governo regional, defendeu que as eleições deste domingo “não foram um plebiscito ao governo regional”. E recusou-se a comentar paralelismos com o que aconteceu em 2015, quando a coligação liderada por Passos Coelho foi a mais votada, mas o seu governo acabou por ser derrubado na Assembleia da República.

Personalidades JE: Ricardo Salgado – Ascensão e queda do “DDT”

A BBC arrasou Ricardo Salgado, elegendo-o o pior executivo de 2014. Pedro Queiroz Pereira fez tudo para desmascarar Salgado e o luso-angolano Hélder Bataglia revelou as ligações desconhecidas. Eis a ascensão e queda do banqueiro que durante mais tempo liderou um banco privado em Portugal.
Comentários