PremiumPSD quer alterar regras fiscais para atrair empresas e subir receitas

O PSD Madeira defende a “criação de um modelo fiscal adequado” para atrair mais empresas para a Madeira. O social-democrata Miguel Sousa elogiou a Zona Franca e deixou críticas às tarifas da TAP.

O PSD Madeira defende a “criação de um modelo fiscal adequado” para atrair mais empresas para a região com o objetivo de melhorar as receitas.

“Hoje lideramos um programa de modernização no setor da saúde, assumindo os deveres que são públicos e demos espaço ao complemento privado. A nossa saúde não é perfeita, mas é sem dúvida o melhor serviço a funcionar em Portugal”, começou por dizer o deputado Miguel de Sousa.

“Motiva-nos porque sem receitas tudo é mais difícil”, apontou, defendendo assim “a criação de um modelo fiscal adequado à dinâmica da economia da Madeira e do Porto Santo e chamando empresas exteriores que venham aumentar a receita orçamental”.

Conteúdo reservado a assinantes. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor. Edição do Económico Madeira de 5 de julho.

Recomendadas

PremiumTomás Correia impugna condenação do Banco de Portugal

O atual presidente da Associação Mutualista Montepio Geral entregou no fim de maio no Tribunal de Santarém a ação de impugnação do processo de contraordenação que aplicou uma multa de 1,25 milhões. O Jornal Económico sabe a juíza aceitou a ação de impugnação e, “ao contrário do Ministério Público vai chamar testemunhas”, diz fonte conhecedora do processo.

Premium“Há efetivamente uma necessidade de mudança na Madeira”

Miguel Gouveia acredita que o PS poderá vencer as regionais. O autarca destaca que Cafôfo tem capacidade de diálogo para forjar coligações.

PremiumMagistrados criticam “equívocos” salariais

Tal como os juízes conselheiros, os magistrados do Ministério Público também vão poder ganhar mais do que o primeiro-ministro.
Comentários