PremiumPSD quer alterar regras fiscais para atrair empresas e subir receitas

O PSD Madeira defende a “criação de um modelo fiscal adequado” para atrair mais empresas para a Madeira. O social-democrata Miguel Sousa elogiou a Zona Franca e deixou críticas às tarifas da TAP.

O PSD Madeira defende a “criação de um modelo fiscal adequado” para atrair mais empresas para a região com o objetivo de melhorar as receitas.

“Hoje lideramos um programa de modernização no setor da saúde, assumindo os deveres que são públicos e demos espaço ao complemento privado. A nossa saúde não é perfeita, mas é sem dúvida o melhor serviço a funcionar em Portugal”, começou por dizer o deputado Miguel de Sousa.

“Motiva-nos porque sem receitas tudo é mais difícil”, apontou, defendendo assim “a criação de um modelo fiscal adequado à dinâmica da economia da Madeira e do Porto Santo e chamando empresas exteriores que venham aumentar a receita orçamental”.

Conteúdo reservado a assinantes. Para ler a versão completa, aceda aqui ao JE Leitor. Edição do Económico Madeira de 5 de julho.

Recomendadas

PremiumEstímulo Monetário: O risco de ressaca num mundo viciado em dívida

O medo de uma crise financeira, além da inevitável recessão provocada pela Covid-19, levou os bancos centrais a injetar liquidez no sistema, em doses gigantescas de compras de ativos. A receita está a funcionar, mas o vício do ‘Quantitative Easing’ pode resultar numa ressaca, e embora não seja provável que a inflação acelere, a verdade é que os bancos centrais compraram mais risco e criaram uma montanha de dívida que um dia terá de ser paga, alertam os economistas consultados pelo JE.

PremiumPedro Moura: “Plataforma de gestão das florestas dá para relançar a economia”

Ex-CEO da Portucel Moçambique e especialista em gestão florestal, Pedro Moura diz que a produção eficiente de 70% do território permitiria criar muitos empregos no interior de Portugal e produzir biomassa para centrais elétricas 100% renováveis.

PremiumIPMA pondera candidatura a fundos europeus para poder detetar sismos

Caracterizar com detalhe a atenuação sísmica e desenvolver um sistema de alerta precoce são algumas das melhorias a introduzir, salienta o IPMA.
Comentários