Que lições retirar do Portugal 2020 para o Plano de Recuperação e Resiliência? Veja o “Pensamento Crítico”

Edição desta semana conta com as presenças de Pedro Costa, presidente da Coimbra Business School; Castro Almeida, jurista e ex-secretário de Estado e Óscar Gaspar, economista e vice-presidente da CIP.

O programa “Pensamento Crítico”, da plataforma multimédia JE TV e da autoria de Marco Silva, consultor estratégico e de investimentos, vai debater que lições devem os governantes retirar do Portugal 2020 para a utilização das verbas da ‘bazuca’ europeia, o Plano de Recuperação e Resiliência.

A edição desta semana conta com as presenças de Pedro Costa, presidente da Coimbra Business School; Castro Almeida, jurista e ex-secretário de Estado e Óscar Gaspar, economista e vice-presidente da CIP.

Após a entrada na União Europeia, Portugal aproveitou os Fundos Europeus de Coesão para se aproximar dos restantes parceiros. No entanto, nas últimas duas décadas o resultado tem sido considerado dececionante, com os portugueses a terem menos poder de compra face à média da UE do que há 20 anos. Quais as razões para esta falta de eficácia, burocracia, erros de estratégia na concepção e implementação ou falta de vontade política?

Recomendadas

“A Arte da Guerra”. “Tensão na Ucrânia? Nada de bom pode vir dali”

“Os democratas norte-americanos, já no tempo de Hillary Clinton como secretária de Estado, estavam na primeira linha de uma atitude muito firme face a Moscovo nesta matéria. Os russos percebem isso e enviaram tropas para as fronteiras. Nada de bom pode vir dali”, destacou o embaixador Francisco Seixas da Costa.

BCE, Fed, os PMI e o dólar. Veja o “Mercados em Ação”

Acompanhe o “Mercados em Ação” no site e nas redes sociais do Jornal Económico. E reveja-o através da plataforma multimédia JE TV.

Que Superliga é esta que pretende destronar a Liga dos Campeões e incomoda a UEFA e a UE?

Clubes ingleses, espanhóis e italianos querem criar uma prova que crie um novo modelo de negócio no futebol europeu. UEFA e FIFA estão contra, ameaçando excluir das suas provas os clubes que participarem na Superliga europeia.
Comentários