Renova fatura 170 milhões de euros e exporta 50% da sua produção

A empresa vai arrancar na segunda semana de dezembro com uma nova campanha publicitária para reforçar a sua presença no mercado francês.

A Renova gera um volume de negócios anual de cerca de 170 milhões de euros.

Desse montante, cerca de 50% são direcionados par as exportações, “o que representa a forte presença da marca 100% portuguesa nos mercados internacionais”, de acordo com um comunicado da empresa.

Na vertente externa, “França tem vindo a assumir-se como um dos mercados estratégicos para a Renova, país onde a marca inaugurou em 2016 uma nova fábrica”.

“A unidade de transformação de papel ’tissue’ da Renova em St. Yorre emprega atualmente cerca de 50 colaboradores e assegura a fabricação de 95% dos produtos Renova comercializados nos mercados de França e Benelux, garantindo simultaneamente flexibilidade e capacidade de resposta para os restantes países do centro e norte da Europa”, revela o referido comunicado.

O mesmo documento acrescenta que, “para além de França, a marca portuguesa mantém duas fábricas e centro logístico em Portugal, comercializando os seus produtos em cerca de 70 países, nos cinco continentes, permitindo à Renova realizar mais de metade do seu volume de negócios nesses mercados externos”.

Continuando a apostar no mercado francês, a Renova vai lançar um nova campanha de comunicação multimeios naquele país, para promoção da gama ‘Renova Paper Pack’ que elimina o plástico das embalagens.

“A Renova continua a apostar no mercado francês e lança uma campanha de comunicação, reforçando o seu posicionamento neste território.  A nova campanha multimeios da Renova arranca já na segunda semana de Dezembro nas principais cidades francesas, entre as quais Paris, Marselha, Lyon, Toulouse, entre outras, e tem como objetivo consolidar a comunicação da gama de Papel Higiénico ‘Renova Paper Pack’, produtos que utilizam como material de embalagem papel reciclável e biodegradável, em alternativa ao plástico, reforçando além fronteiras a adopção de práticas mais sustentáveis e amigas do ambiente”, explica o referido comunicado.

“La Planete a aussi ses besoins” (“O Planeta também tem as suas necessidades”) é o mote da nova campanha da Renova em França, “que dá eco à preocupação crescente dos cidadãos para a emergência da contaminação dos oceanos e evidenciando a resposta da Renova, com o lançamento em todos os mercados onde opera de produtos ambientalmente mais responsáveis: embalagens sem plástico, usando em alternativa papel 100% reciclável”.

A campanha multimeios estará presente em redes de ‘outdoors’, ‘mupis’, imprensa e digital.

 

 

 

 

Ler mais
Recomendadas

Mais de 50 jornalistas subscrevem abaixo-assinado em defesa de Maria Flor Pedroso

“Confrontados com o grave ataque público à integridade profissional da jornalista Maria Flor Pedroso, os jornalistas abaixo-assinados não podem deixar de tomar posição em sua defesa”, referem os 55 jornalistas que subscrevem o documento.

PremiumO Estado angolano, a empresa americana e o gestor português

A Aenergy, detida por um português, teve vários contratos cancelados pelo Executivo angolano por alegadas irregularidades. Oempresário diz que sempre cumpriu a lei e já recorreu das decisões.

Equipa da RTP retida e questionada na fronteira no regresso de Hong Kong

O caso levou a Associação de Imprensa em Português e Inglês de Macau (AIPIM) a apelar às autoridades de Macau para que “o livre exercício da profissão esteja assegurado na plenitude”.
Comentários