Repsol compra 21% da empresa social Sylvestris

A Sylvestris é uma empresa social dedicada à restauração florestal, jardins verticais e consultoria ambiental, sendo também criadora de empregos para grupos vulneráveis. Estima-se que, com esta aliança seja possível, restaurar mais de 2.200 hectares de floresta até 2024.

A Fundação Repsol, através do fundo Repsol Impacto Social, adquiriu 21,39% do capital da empresa Sylvestris, dando, assim, entrada no setor de reflorestação e desenvolvimento rural.

De acordo com um comunicado divulgado esta segunda-feira, esta compra vai reforçar a estratégia da petrolífera de desenvolver uma rede de empresas sociais em Portugal e em Espanha, através deste fundo de investimento social, que está dotado com 50 milhões de euros para a transição energética e inclusão de grupos vulneráveis.

A Sylvestris considera que a entrada do Repsol Impacto Social vai contribuir para o combate às alterações climáticas, através da criação de projetos de absorção que capturam toneladas de dióxido de carbono (CO2) da atmosfera. Estima-se que, até 2024, a Sylvestris refloreste mais de 2.200 hectares, com uma absorção, certificada pela Oficina Espanhola de Alterações Climáticas, de 165 mil toneladas de CO2. Para a execução destes projetos, espera-se a contratação de cerca de 2.500 pessoas.

Para a Repsol, o setor da reflorestação apresenta oportunidades de desenvolvimento, uma vez que mais empresas estão a apostar neste tipo de projetos para reduzirem a sua pegada de carbono, como parte das políticas de responsabilidade social corporativa.

Repsol faz o primeiro investimento do fundo social. Fundação compra 25% da espanhola Koiki

Ler mais
Recomendadas

Governo prepara novas linhas de financiamento às exportações

O secretário de Estado da Economia, João Correia Neves, que está em Milão na maior feira de calçado do mundo, vai colocar verbas do Portugal 2020 à disposição das empresas para a promoção da presença digital nos mercados internacionais.

Liberty cria ecossistema na ‘cloud’ pública

Construir um seguro à medida de cada um e uma oferta personalizável é o objetivo da Liberty Seguros com um novo ecossistema, afirma Alexandre Ramos, da área tecnológica da companhia.

Juíza trava proibição da WeChat nos Estados Unidos

Depois da chinesa Tik Tok, agora é a vez da aplicação de mensagens ver o bloqueio ser impedido, neste caso, pela justiça norte-americana.
Comentários