Salário mínimo no Luxemburgo sobe para mais de 2 mil euros/mês

No dia após a eleição nacional, os ministros luxemburgueses concordaram em aumentar o salário mínimo em 1,1%, atingindo assim os 2 mil euros.

Após as eleições nacionais, o governo luxemburguês concordou em aumentar o salário mínimo em 1,1%, uma subida de 20 euros.

Para o trabalhador não qualificado, o salário mínimo atinge os 2.071.07 euros e para os trabalhadores qualificados o rendimento é agora de 2.485.29 euros, escreve o ”Luxembourg Times”.

Os ministros também decidiram aumentar a renda de inclusão social (REVIS), bem como a renda para pessoas com deficiência grave (RPGH) em 1,1%.

As novas medidas deverão ter efeito a partir de 1 de janeiro de 2019.

Recomendadas

El Mundo: Dono do BPI vai despedir mais de 2 mil trabalhadores em Espanha

Depois de anunciar o fecho de 800 agências em Espanha, o CaixaBank prepara-se para despedir mais de dois mil trabalhadores, avança o El Mundo.

Lucros, salários e pensões deixam de ter dupla tributação em Portugal e Angola

A proposta foi aprovada pelo Parlamento português esta sexta-feira e vai a votos na próxima semana na Assembleia Nacional angolana.

Estatuto de Jovem Empresário Rural prevê benefícios fiscais

Os jovens que conseguirem ter acesso a este estatuto contarão “com a abertura de concursos e/ou de apoios específicos”, com uma “majoração na atribuição de apoios”, a criação de “dotações financeiras específicas” na área do desenvolvimento territorial, destinadas ao apoio ao investimento.
Comentários