Serviço de Saúde contrata anestesistas para reforçar bloco operatório

Medida foi apresentada pelo secretário regional da Saúde, Pedro Ramos.

Em 2019, o Serviço de Saúde da Região Autónoma da Madeira vai poder contratar para produção adicional, os anestesistas do quadro clínico da instituição, com vista a reforçar a capacidade de resposta do bloco operatório e, desta forma reduzir as listas de espera para cirurgia.

Esta foi uma das medidas apresentada pelo secretário regional da Saúde, Pedro Ramos no decorrer da reunião, que manteve na passada segunda- feira com os profissionais do  serviço de anestesiologia, no âmbito da sua politica de proximidade em que tem reunido com vários serviços clínicos hospitalares. A medida foi destacada como sendo muito positiva, por parte dos médicos anestesistas.

Pedro Ramos, anunciou ainda, que até ao final do ano de 2019, pretende abrir mais um concurso para 1 anestesista.

Recomendadas

PSD diz que a Madeira “pode orgulhar-se” de ser a primeira no País a avançar com estatuto do cuidador informal

João Paulo Marques diz que a proposta “prova” que o Governo Regional tem a intervenção e o apoio social como áreas prioritárias de governação, “não só apoiando quem mais precisa, mas, com o estatuto do cuidador informal, cuidando de quem cuida e dando condições para que os familiares possam cuidar dos seus doentes em casa, que é onde deles precisam e onde merecem estar”.

Madeira espera subida para 40% na produção de eletricidade através de energia renovável

Esta produção deve subir com a construção da barragem do Paul da Serra e no Túnel do Pedregal.

Greve da função pública fecha escolas na Madeira

A Educação e a Saúde são os setores mais afetados pela greve na Madeira. Ricardo Gouveia, do Sindicato de Trabalhadores da Função Pública da RAM, refere que estes são os serviços onde há mais falta de recursos humanos e carência de pessoal. Quanto aos Hospitais da Região, o Sindicato diz que a adesão anda à volta dos 75%.
Comentários