Setor energético, BCP e CTT impulsionam PSI 20

Bolsa portuguesa arrancou a sessão desta sexta-feira a negociar em alta, valorizando 0,92%, para 4.233,48 pontos.

O principal índice bolsista português (PSI 20) arrancou esta sexta-feira a negociar em alta, valorizando 0,92%, para 4.233,48 pontos, em linha com as principais praças europeias.

Os índices do Velho Continente corrigem as perdas verificadas na sessão de quinta-feira, depois de os analistas renovarem receios sobre o crescimento do número de casos da Covid-19.

A bolsa portuguesa arrancou com 14 empresas cotadas em alta, três em queda e uma a negociar sem variação. Os títulos da EDP (1,59%) e EDP Renováveis (1,55%) são so que mais impulsionam o PSI 20.

No setor energético também a Galp (1,02%) contribui para o bom arranque da bolsa nacional.

Os ganhos do BCP (0,91%), Semapa (2,54%) e dos CTT (2,53%) também impulsionam o PSI 20.

Recomendadas

Wall Street fecha em baixa enquanto negociações sobre pacote de estímulos se arrastam

A tecnológica Snap disparou mais de 28% no fecho da sessão desta quarta-feira, para 36,50 dólares, depois de reportar os resultados do terceiro trimestre. A dona do Snapchat teve um aumento homólogo de 52,10% nas receitas, para 678,7 milhões de dólares.

CTT e Galp lideram perdas na bolsa de Lisboa. Europa fecha em queda com alertas de Lagarde

“A castigar o sentimento estiveram as declarações da presidente do BCE de que o aumento inesperado das infeções é um “risco claro” para as perspetivas económicas na região, à medida que o surto se continua a alastrar na Europa e os países aumentam restrições”, refere o analista de mercados do Millennium bcp.

Corum assegura rentabilidade dos seus fundos de investimento, apesar da Covid-19

A Corum, sociedade francesa que gere mais de 4 mil milhões de euros em soluções de poupança, anunciou que os seus fundos, Corum Origin e Corum XL, comercializados em Portugal, já asseguraram os objetivos de rentabilidade previstos para este ano.
Comentários