Sporting precisa de arranjar 50 milhões até junho para honrar compromissos

O clube de Alvalade precisa de uma injeção de liquidez, para poder continuar a hornar todos os seus compromissos com investidores, funcionários e fornecedores, sabe o Jornal Económico.

Rodrigo Antunes/Lusa

O Sporting está a tentar assegurar 50 milhões de euros até ao mês de junho, para poder continuar a honrar todos os seus compromissos.

Os ‘leões’ contrataram a ’boutique’ financeira Stormharbour para levantar 175 milhões de euros junto de investidores institucionais, oferecendo como colateral os créditos do contrato de direitos televisivos e de publicidade que mantem com a NOS, apurou o Jornal Económico.

Para já o clube de Alvade necessita de uma injeção de 50 milhões de euros, para poder honrar os seus compromissos com funcionários, fornecedores e investidores, sabe o nosso jornal. Fontes ligadas a este processo, acreditam que o presidente Frederico Varandas, possa terminar as negociações com investidores institucionais internacionais até ao próximo mês de março, embora o cenário seja complexo.

Contactada pelo Jornal Económico, fonte oficial do emblema verde e branco, não quis fazer comentários, posição idêntica tomada pela Stormharbour.

Esta sexta-feira a direção do Sporting dará uma conferência de imprensa, onde irá fazer um balanço dos primeiros meses de mandato, sendo que o tema da reestruturação financeira deverá ser abordado, bem como o recente livro do antigo presidente Bruno de Carvalho, “Sem Filtro”, no qual faz várias críticas a Frederico Varandas.

Leia mais na nova edição do Jornal Económico que chegou às bancas esta sexta-feira.

Ler mais
Recomendadas

“Rastreio alargado que existe no futebol pode ser adaptado noutros contextos”, defendem médicos de saúde pública

Protocolo existente no futebol profissional tem permitido que a Liga continue a desenrolar-se num país onde o cenário pandémico é cada mais vez mais preocupante. Em entrevista no programa “Jogo Económico”, da plataforma multimédia JE TV, Gustavo Tato Borges defende rastreios alargados como acontece com os futebolistas.

Mediapro oferece-se para transmitir jogos da Liga francesa depois da quebra do contrato entre ambas as partes

De forma a evitar que os jogos de futebol profissional da liga francesa ficassem sem transmissão televisiva, a Mediapro disponibilizou-se para emitir os mesmos e direcionar as receitas para a Liga, deduzindo os custos da operação.

Eintracht de Frankfurt propõe português André Silva para novo logo da Bundesliga

O avançado português, que está a fazer a sua segunda época no Eintracht de Frankfurt, já marcou 13 golos em 19 jogos no conjunto das competições em que o emblema germânico está envolvido. André Silva está avaliado em 28 milhões pelo portal “Transfermarkt”.
Comentários