Tribunais do Porto com pedaços de teto a cair e buracos causados por infiltrações

Pedaços de teto a cair em salas de audiência e gabinetes fechados devido a buracos causados por infiltrações são algumas das situações preocupantes no tribunal de São João Novo, no Porto.

A degradação dos tribunais da comarca do Porto está a colocar em causa a segurança dos utentes, juízes e advogados, conta o Jornal de Notícias esta segunda-feira, 14 de outubro.

O jornal conta que existem pedaços de teto a cair em salas de audiência, gabinetes fechados devido a buracos causados por infiltrações, juízes desambargadores a trabalhar a partir de casa e 10 funcionários a partilharem um espaço de 30 metros quadrados onde se encontram seis mil processos.

Sobre o Tribunal de São João Novo, o juiz presidente José António Rodrigues da Cunha disse ao JN que “são recorrentes as infiltrações devido a uma fissura muito grande numa parede estrutural e, nos últimos dois anos, houve dois casos de quedas de pedaçoes de teto. Uma atingiu a bancada de advogados, numa das salas de audiência, e outra aconteceu no gabinete dos juízes militares. Temo que possa acontecer uma situação semelhante durante uma sessão de julgamento e ferir alguém com gravidade”.

Recomendadas

ONU: Queda nas emissões de gases com efeito estufa em 2020 não está a reverter alterações climáticas

Apesar da ligeira diminuição no ritmo a que os gases com efeito estufa foram emitidos em 2020, fruto das restrições que visam combater a pandemia, a Organização Meteorológica Mundial avisa que este facto apenas desacelerará o ritmo das alterações climáticas, sendo profundamente insuficiente para compensar as décadas de emissões que ainda hoje persistem na atmosfera.

Comissão Europeia: “Experiência de Portugal vai ser valiosa para nós. Vai liderar a transição na Europa”

O comissário europeu do Ambiente, Oceanos e Pescas, Virginijus Sinkevičius considera que dada a experiência de Portugal em matérias ambientais, a pasta da presidência do Conselho da UE para o primeiro semestre de 2021 vai ficar em boas mãos. “Estou muito otimista em relação à presidência de Portugal no próximo ano”, afirmou.

Termoelétrica de Sines: Matos Fernandes garante formação a 400 trabalhadores

A menos de dois meses para o encerramento da central termoelétrica de Sines, o ministro do Ambiente e da Ação Climática frisou que os cerca de 400 trabalhadores desta central serão alvos de formação para que possam integrar nos projetos de energia solar que estão a ser desenvolvidos.
Comentários