Universidade de Coimbra distingue Carlos Moedas

O antigo comissário europeu, Carlos Moedas é o vencedor do Prémio Universidade de Coimbra 2020, anunciou, esta sexta-feira, o reitor Amílcar Falcão.

Carlos Moedas é o vencedor do Prémio Universidade de Coimbra 2020, uma das mais relevantes distinções nas áreas da ciência e da cultura. Engenheiro civil, economista e político, regressou recentemente a Portugal após cinco anos em Bruxelas onde foi comissário europeu.

Nascido em Beja, em 1970, Carlos Manuel Félix Moedas é licenciado em Engenharia Civil pelo Instituto Superior Técnico e tem um MBA pela Harvard Business School. Fez carreira como economista antes de integrar o Governo de Portugal como secretário de Estado Adjunto do primeiro-ministro Pedro Passos Coelho. Foi depois comissário europeu para a Investigação, Inovação e Ciência, entre 2014-2019, onde se distinguiu.

A construção de uma rede europeia pró-inovação, investigação e ciência foi um dos marcos do seu mandato, permitindo alcançar um recorde financeiro para a Investigação e a Inovação no programa Horizonte Europa 2021-2027.

Atualmente é administrador executivo da Fundação Calouste Gulbenkian, membro do conselho de administração do Instituto Jacques Delors, membro do conselho consultivo da iniciativa “Futuros da Educação” da UNESCO e membro do conselho consultivo do projeto Reimagine Europa.

O Prémio Universidade de Coimbra, no valor de 25 mil euros, conta com o patrocínio do Banco Santander, através do Santander Universidades.

Recomendadas

Empresas têm 400 estágios e empregos para futuros economistas e gestores

A feira de emprego da Faculdade de Economia da Universidade do Porto realiza-se entre 3 e 4 de março, com a participação de cerca de 60 empresas.

Nuno Crato: “Ensino profissionalizante atrai quase 50% dos jovens que estudam no secundário, o que é muito importante”

O ex-ministro da Educação e Ciência, Nuno Crato, em mais uma sessão de ‘Fim de Tarde na SEDES com Quem Sabe’, abordou o tema “O que importa e o que não importa em educação”, destacando a relevância do ensino profissionalizante e a melhoria de Portugal nos indicadores de abandono escolar. O Jornal Económico foi media partner nesta iniciativa da SEDES.

PremiumAprender liderança e gestão da felicidade no ISAG

Esta ‘business school’ privada do Porto vai lançar um programa que visa responder à nova realidade social, empresarial e laboral. Dirige-se preferencialmente a gestores, executivos e quadros de topo das empresas. As inscrições já abriram.
Comentários