Wall Street encerra ‘mista’ penalizada com números do emprego nos EUA

As empresas privadas nos Estados Unidos criaram 330 mil novos empregos, números que ficam aquém das expectativas dos analistas que, após reverem a previsão em baixa, apontavam para os 680 mil novos postos de trabalho. S&P 500 e Dow Jones fecham o dia no ‘vermelho’, enquanto o tecnológico Nasdaq encerra em terreno positivo.

Crash de 25% em Wall Street

Os principais índices em Nova Iorque encerraram o dia mistos, com o tecnológico Nasdaq a ser o único a fechar no ‘verde’. Os investidores reagiram negativamente aos números do emprego que, de acordo com o ‘National Employment Reportig’ elaborado pela ADP, revelaram a criação de 330 mil novos empregos, muito aquém dos 680 mil adiantados pelos analistas aquando da última revisão (em baixa).

O S&P 500 perdeu 0,32% para os 4.408,80 pontos. O índice industrial Dow Jones encerra o dia a desvalorizar 0,77% para 34.846,24 pontos. O tecnológico Nasdaq encerra a sessão desta quarta-feira em terreno positivo, a subir 0,22% para 14.794,3 pontos.

Nas empresas, destaque para a Activision que encerra o dia a valorizar 2,53%, mesmo numa altura em que enfrenta processos judiciais sobre assédio e sexismo na indústria. A produtora de videojogos relatou resultados trimestrais que superaram as projeções de Wall Street, tendo ainda elevado o seu outook anual.

Destaque também para a Lumen Technologies, mas pela negativa. A empresa encerra o dia a perder 8,86%, depois de ter concordado vender os seus negócios ILEC em 20 estados norte-americanos à Apollo Global Management por 7,5 mil milhões de dólares (6,3 mil milhões de euros), incluindo a assunção de dívidas de cerca de 1,4 mil milhões de dólares (1,1 mil milhões de euros). O negócio deverá ser concluído durante o segundo semestre de 2022.

O preço do barril de petróleo está a cair nos dois lados do Atlântico. Em Nova Iorque, o WTI desce 3,71% para os 67,94 dólares por barril, enquanto o Brent está a desvalorizar 3,11% para os 70,16 dólares em Londres.

No mercado cambial, o euro deprecia 0,19% face ao dólar norte-americano para os 1,1838 dólares, à semelhança da libra esterlina que também deprecia 0,19% face à moeda dos Estados Unidos, para 1,3887 dólares.

Recomendadas

EDP, Galp e BCP impulsionam bolsa de Lisboa

Galp dispara mais de 2% liderando os ganhos no PSI 20. Investidores vão estar hoje atentos à reunião da reserva federal norte-americana.

Wall Street fecha mista no primeiro dia de reunião da Fed

A Uber disparou 11% depois de informar que prevê que o EBITDA ajustado da empresa possa ser positivo em 25 milhões de dólares (cerca de 21 milhões de euros), o que representa uma melhoria face à perda antes estimada de 100 milhões de dólares (perto de 85 milhões de euros).

Moody’s sobe rating da CP

“A subida tem em conta as fortes ligações entre a Comboios de Portugal e o soberano, do qual recebe um apoio financeiro considerável”, considerou Francesco Bozzano, o analista da empresa na agência norte-americana, onde tem o cargo de analista vice-presidente-sénior.
Comentários