AJEC propõe plataforma de informações sobre oportunidades de investimentos

A Associação dos Jovens Empresários de Cabo Verde (AJEC) quer criar uma plataforma para facilitar a comunicação e oferecer informações aos empreendedores sobre oportunidade de investimentos e de negócio no país.

“Essa plataforma é um mecanismo através do qual pretendemos comunicar com os empreendedores cabo-verdianos e não só. Reconhecemos a importância de ter um espaço onde o empreendedor possa encontrar todas as informações de que precisa, quer seja da oportunidade de investimentos e de negócios, quer seja de estágios, empregos e tudo o que esteja ligado ao empreendedorismo”, avançou a vice-presidente da AJEC, Dilma Vieira, à saída de um encontro que manteve com o primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, a quem foi apresentar os novos projectos da associação.

Segundo Dilma Vieira, neste momento estão a analisar se vão transformar o site da AJEC nessa plataforma ou se vão criar uma plataforma de raiz que ajude e capacite os jovens a enfrentar o desafio de ser empreendedor.

Com esta plataforma, acredita que a AJEC vai estar mais perto dos seus associados e vai conseguir abranger todos os jovens do país.

Entretanto, explicou que um dos objectivos desta plataforma é ter todas a entidades promotoras do empreendedorismo dentro da rede global, para onde serão canalizadas todas as informações sobre o empreendedorismo, estando a associação a procurar o apoio institucional nesse sentido.

Conforme indicou Dilma Vieira, o encontro de hoje com o chefe do Executivo vai exactamente nesse sentido, ou seja, pretenderam apresentar o plano de actividades da associação a Ulisses Correia e Silva com o objectivo de estreitar as relações existentes com o Governo e dar seguimento ao protocolo assinado em Junho do ano passado no âmbito da promoção do empreendedorismo.

“O primeiro-ministro apreciou o nosso plano de actividades que vai ao encontro daquilo que o Governo tem planeado, e deste modo vamos ter um canal de diálogo e de mútuo acordo…”, sublinhou.

Para além da dinamização dessa plataforma, a AJEC pretende ainda criar uma base de dados que vai facilitar as informações sobre o perfil dos jovens cabo-verdianos, quem são esses jovens empresários, quais as suas necessidades, para depois definirem as medidas e as acções que respondam às suas necessidades.

 

Ler mais
Recomendadas

Presidente do Instituto Camões diz que 2020 foi marco da cooperação portuguesa em Cabo Verde

O presidente do instituto Camões, João Ribeiro de Almeida, afirmou hoje que 2020 foi “muito importante para a cooperação portuguesa em Cabo Verde”, com 27 projetos de apoio lançados e em curso, no valor de 2,3 milhões de euros. Segundo o responsável, que falava à Lusa à margem da inauguração do centro de hemodiálise do […]

Cabo Verde: dez mil trabalhadores do turismo deverão receber vacina na primeira fase

Olavo Correia, também titular da pasta das Finanças, fez essas declarações durante um encontro com os empresários locais, de diferentes áreas de atuação, micro, média e pequenas empresas, num dos hotéis da cidade turística de Santa Maria.
Comentários