Arsenal quer despedir 55 trabalhadores mas paga a Mesüt Özil 388 mil euros por semana em salários

O clube londrino comunicou a sua decisão de continuar com um processo de reestruturação que considera necessário. Adeptos e jogadores não ficaram contentes.

O Arsenal pretende despedir 55 trabalhadores, num passo que o clube assegura ser “necessário para manter a inversão da equipa” e para dispor dos “recursos económicos suficientes para competir ao mais alto nível na Premier League e na Liga Europa”, pode-se ler num comunicado do clube.

O clube havia fechado a época de 2018-19 com perdas de 28 milhões de euros, causadas sobretudo pela redução nas mais-valias atingidas com a venda de ativos (que se ficaram pelos 14,5 milhões de euros, um décimo do registado na época anterior) e uma queda de 5,4% na receita de bilheteira.

O clube venceu no passado fim-de-semana a Taça de Inglaterra, que lhe permitirá jogar na Liga Europa e somar 40 milhões de prémio na competição europeia no próximo ano, além das receitas das transmissões televisivas da competição.

A decisão tem levantado críticas e mau estar entre adeptos e jogadores, depois destes últimos terem aceitado um corte de 12,5% nos seus salários, com a contrapartida esperada de que não seriam necessários despedimentos no staff. Também Piers Morgan, conhecido jornalista britânico e fervoroso adepto dos ‘gunners’, expressou o seu descontentamento com a decisão de despedir 55 elementos do staff, especialmente quando o clube é detido por um multimilionário e paga 350 mil libras (388 mil euros) semanais a estrelas como Mesüt Özil para não jogarem.

Recomendadas

Filipe Albuquerque vence 24 Horas de Le Mans e sagra-se campeão mundial de resistência

O português, que faz equipa com os britânicos Phil Hanson e Paul di Resta, bateu a equipa Jota do outro português em prova, António Félix da Costa.

PremiumCovid-19 é o adversário comum aos 18 clubes da Liga NOS

No início de uma época em que vários craques estão de volta a Portugal e clubes do meio da tabela reforçaram-se em quantidade e qualidade, haverá uma 19.ª equipa que todos vão querer derrotar todas as jornadas.

‘Tempestade perfeita’ no SL Benfica. Que efeito tem a eliminação da ‘Champions’ nas contas das ‘águias’? Veja o “Jogo Económico”

Nesta edição, que conta com a presença dos comentadores Shrikesh Laxmidas, João Marcelino e Diogo Luís, vamos analisar a semana ‘horribilis’ do SL Benfica com a eliminação da Liga dos Campeões. Neste programa, gravado no Parque Desportivo Municipal de Mafra, analisamos todo o potencial desportivo deste concelho.
Comentários