BE vai questionar Governo sobre vídeo com responsáveis de recursos humanos da TAP

A deputada do BE, Isabel Pires comentou o vídeo de recrutamento da TAP e recordou que a empresa aérea portuguesa anunciou que pode avançar para o despedimento coletivo de até 200 trabalhadores no início de julho.

José Sena Goulão/Lusa

A deputada do Bloco de Esquerda (BE) Isabel Pires apontou, esta terça-feira, que o partido vai questionar o Governo sobre o vídeo de recrutamento da TAP que sucede ao anúncio dos despedimentos.

Em causa está um vídeo publicado pelo diretor de Recursos Humanos da TAP, Pedro Ramos, onde relata a sua experiência na contratação de pessoal em Espanha para a companhia aérea. 

Depois de ter sido noticiado o vídeo de Pedro Ramos, Isabel Pires escreveu no Twitter: “Questionaremos hoje mesmo o Governo sobre esta situação, porque não se pode aceitar um despedimento coletivo e depois anunciar recrutamentos com esta desfaçatez”.

“Há várias questões que se colocam, para além da vergonha absoluta que é todo o vídeo. Quanta falta de noção da realidade vivida por milhares de trabalhadores da TAP é preciso ter para se fazer um vídeo daqueles?”, questionou a bloquista, acrescentando que “enquanto se fala em despedimento coletivo já no início de junho, e depois de milhares de trabalhadores que durante 2020 e 2021 saíram da TAP, está, ou não, a haver recrutamento”.

A TAP anunciou hoje que vai abrir um processo de inquérito aos dois responsáveis de recursos humanos que surgem em vídeo  a comentarem as contratações da companhia aérea em Espanha.

A tutela de Pedro Nuno Santos já criticou o vídeo de dois responsáveis de recursos humanos da TAP em que comentam as contratações em Espanha. Pedro Nuno Santos disse mesmo estar “indignado” com o conteúdo do vídeo e por parte de duas pessoas com “elevadas responsabilidades na companhia”.

De recordar que a 5 de junho a TAP enviou uma carta a mais de 200 trabalhadores a comunicar-lhes que vão sair do regime de lay-off. No comunicado a empresa justifica que a “decisão decorre da necessidade de serem perspetivadas medidas unilaterais de cessação da relação laboral, nos termos do plano de reestruturação da empresa, face ao excesso de postos de trabalho que ainda perdura, que pressupõem a observância de um prazo de dilação de 30 dias”.

Relacionadas

Diretor de Recursos Humanos da TAP publica vídeo sobre contratações em Espanha (com áudio)

A TAP tem estado a negociar saídas com trabalhadores no âmbito do plano de reestruturação e pode avançar para o despedimento coletivo de mais 200 trabalhadores em julho. O diretor de Recursos Humanos da empresa surge no vídeo na capital espanhola a comentar a contratação de um responsável para a área de carga em Espanha. “Vamos conseguir contratar. Vamos selecionar os melhores”, afirma outro responsável da TAP no vídeo.

Ministério de Pedro Nuno Santos está “indignado” com vídeo de responsáveis de recursos humanos da TAP

A TAP comunicou a 31 de maio que reduziu de 2.000 para 206 o número de trabalhadores que ainda têm de sair da empresa. A próxima ronda de rescisões voluntárias vai assim ficar-se nestes 206 trabalhadores. Se não aceitarem, a companhia aérea avança para o processo de despedimento coletivo em julho.

TAP abre processo de inquérito aos dois responsáveis de recursos humanos que comentaram em vídeo contratações em Espanha (com áudio)

A TAP diz que as declarações do diretor de Recursos Humanos e do responsável de RH da Manutenção & Engenharia foram feitas a título pessoal. O processo de inquérito seguidos dos devidos procedimentos disciplinares acontece “dado o momento que a TAP vive, em que a todos nós são pedidos sacrifícios”, segundo a companhia aérea.
Recomendadas

Fundo de capitalização chega esta quinta-feira para ajudar empresas viáveis em dificuldades

Uma dificuldade do tecido económico nacional que a pandemia exacerbou foi a necessidade de recapitalização de boa parte das empresas, um objetivo enunciado no Plano de Recuperação e Resiliência português e que agora é materializado neste fundo de tesouraria.

Super Bock Group investe 30 milhões em Pedras Salgadas

A modernização do Centro de Produção de Pedras Salgadas e a expansão do Pedras Salgadas Spa & Nature Park, são os dois principais itens do novo investimento, que vai criar 30 novos postos de trabalho.

Greenvolt com resultados do semestre em queda de 82% para cerca de um milhão

O resultado líquido do exercício da empresa de energias renováveis foi de cerca de um milhão de euros, o que traduz uma queda de mais de 80% e reflecte a evolução do EBITDA.
Comentários